Esportes

Nova Supercopa da Espanha promete 'liberdade total' para as mulheres sauditas


RFEF (Real Federação Espanhola de Futebol ) , na sigla em espanhol) realizou nesta segunda-feira o sorteio do novo formato da Supercopa da Espanha com a participação de quatro times, que vão disputar duas semifinais e final na cidade de Jedah, na Arábia Saudita, entre os dias 8 e 12 de janeiro de 2020.

No dia 8, no estádio King Abdullah, jogam Valencia x Real Madrid. No dia seguinte será a vez de Barcelona x Atlético de Madrid. A decisão está marcada o dia 12. José Luis Gayá (Valencia), Sergio Busquets (Barcelona), Sergio Ramos (Real Madrid) e Saúl Ñíguez (Atlético de Madrid) foram os jogadores que participaram do sorteio, que contou com a presença do presidente da RFEF, Luis Rubiales, e também do príncipe Abdullaziz bin Turki Al-Faisal, que se referiu à "Superocopa mais emocionante da história", que deixará "um grande legado para a transformação do país", afirmou o dirigente espanhol, que revelou o tempo de três anos de contrato.

Durante os jogos, as autoridades sauditas garantiram que as mulheres poderão assistir a todos os jogos, em qualquer local do estádio, sem restrições. O príncipe Abdullaziz bin Turki Al-Faisal revelou que cerca de 30% dos praticantes de esportes em seu país são mulheres.

"Queremos aprender com os melhores e aprofundar nosso relacionamento com quem compartilha nossa paixão. A Espanha é um aliado natural, uma nação que ama futebol, nós o admiramos, tem o melhor equipamento e os maiores estádios e instalações", afirmou a autoridade saudita, que considerou um privilégio poder ser sede da Supercopa da Espanha e destacou o futebol como um elemento de "união, que enriquece a sociedade e melhora a compreensão mútua".

Os jogadores demonstraram motivação para ir em busca da taça. "O fato de disputar um título já é motivo para grande motivação. Fazer parte dessa Supercopa é um privilégio", disse o capitão do Real Madrid e da seleção, Sergio Ramos. Ao lado dele, José Luis Gaya destacou o duelo. "Faltam dois meses, é importante saber como chegaremos nesse momento. Sempre são partidas muito intensas contra o Real Madrid. Espero que possamos alcançar a final".

Sergio Busquets e Saúl Ñiguez também esperam lutar pela conquista, embora Barcelona e Atlético de Madrid tenham um dia a menos para se preparar para final do dia 12. "É sempre difícil jogar contra o Atlético. É uma equipe muito competitiva, com um ótimo técnico e com menos dias de descanso. Teremos de lutar ao máximo para tentar levar o troféu", disse o jogador do time catalão.

Comentários


Veja Também


Nova Supercopa da Espanha promete 'liberdade total' para as mulheres sauditas

RFEF (Real Federação Espanhola de Futebol ) , na sigla em espanhol) realizou nesta segunda-feira o sorteio do novo formato da Supercopa da Espanha com a participação de quatro times, que vão disputar duas semifinais e final na cidade de Jedah, na Arábia Saudita, e...

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:
Voltar