Diarinho

O que é a força da gravidade?


A gravidade define todo um conjunto de cálculos que leva em conta o peso de um corpo e sua força vertical (para baixo), sendo a grandeza responsável por manter as coisas unidas à Terra. De grosso modo, é possível dizer que é por meio desse tipo de ação que as coisas, águas e seres de todos os tipos não saem voando pelo planeta, uma vez que algo faz com que essas estruturas se conectem por meio de atração em diferentes níveis e potências. O tamanho da Terra é poderoso o bastante para ter tudo ao seu redor e em curta distância – em relação ao restante do universo – para bem perto de si. Por isso tudo parece estar ‘grudado’ nela em direção ao seu centro.

Existe força atrativa entre tudo aquilo que é feito de matéria, ou seja, por conjunto de átomos, aquelas partículas tão pequenas que somente microscópios avançados são capazes de gerar imagens. O crédito desse conceito é do britânico Isaac Newton (1643-1727), famoso por ter começado a estudar o fenômeno depois de ter visto uma maçã que estava em uma árvore cair no chão – ao contrário do que se fala sobre a história, a biografia do personagem diz que a fruta não caiu em sua cabeça.

Segundo o cientista, a maça só parou de cair porque atingiu o solo. Caso ela fosse lançada a uma altitude suficientemente grande para ultrapassar a atmosfera e com muita velocidade, ficaria a dar voltas na Terra. Isso aconteceria porque não teria contato com a superfície durante a rotação do planeta, ação que a faz ficar em constante movimento entre si mesmo. É justamente essa ideia do fenômeno natural que explica a órbita da Lua em torno do mundo terrestre e o giro dos planetas em relação ao Sol na formação do Sistema Solar.

Cada ponto possui um nível de aceleração de gravidade distinto e que revela a intensidade local do fenômeno. A Terra, por exemplo, possui marca gravitacional de cerca de 9,807 m/s² (metro por segundo ao quadrado), com a Lua contendo 1,62 m/s², Marte tendo 3,711 m/s², Júpiter apresentando 24,79 m/s² e o Sol acelerando a 274,13 m/s². Quanto menor o número, mais fácil é para se movimentar nesses lugares.

A ideia de microgravidade (a maneira mais correta de se referir ao que chamam de ‘gravidade zero’) é demonstrada por astronautas quando viajam pelo espaço ou em simuladores. As situações, na verdade, mostram eles em queda livre constante

Consulta realizada no livro A História do Universo Para Quem Tem Pressa (Editora Valentina), do escritor Colin Stuart.  

Comentários


Veja Também


O que é a força da gravidade?

A gravidade define todo um conjunto de cálculos que leva em conta o peso de um corpo e sua força vertical (para baixo), sendo a grandeza responsável por manter as coisas unidas à Terra. De grosso modo, é possível dizer que é por meio desse tipo de ação que as coisas, águas e seres de todos os tip...

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:
Voltar