Esportes

Soares leva a melhor sobre Melo em Xangai; Medvedev é campeão na chave de simples


Em final envolvendo dois brasileiros, melhor para Bruno Soares, que ao lado do croata Mate Pavic sagrou-se campeão da chave de duplas do Masters 1000 de Xangai na madrugada deste domingo, diante do compatriota Marcelo Melo e do polonês Lukasz Kubot. Com um placar de 2 sets a 0, parciais de 6/4 e 6/2, a parceria, formada em junho deste ano, levou seu primeiro troféu para casa.

Foi a 32º conquista na carreira de Soares, que devolveu a derrota a Melo no ano passado, quando ainda formava dupla com o britânico Jamie Murray e acabou derrotado na final do evento chinês contra os mesmos adversários da decisão deste domingo.

O mineiro e o croata vão dividir uma premiação de US$ 408.840, além de contar com uma boa ascensão no ranking da ATP, subindo 21 posições e alcançando agora a 18.ª colocação entre as duplas. Os dois ainda lutam por uma vaga no ATP Finals, que este ano será sediado em Londres.

Para conquistar o troféu em Xangai, a parceria conseguiu uma quebra de serviço logo no terceiro game do primeiro set, administrando a vantagem até o fim da parcial e fechando-a sem maiores sustos em 6/4. A vitória foi concretizada com duas novas quebras no set seguinte e a conclusão com o serviço na mão de Pavic e devolução na rede de Kubot, após 1h09 de confronto.

CHAVE DE SIMPLES - Na chave de simples do Masters 1000 de Xangai, o russo Daniil Medvedev manteve a ótima fase para levar o título com uma tranquila vitória por 2 sets a 0 (6/4 e 6/1) sobre o alemão Alexander Zverev, também neste domingo.

Atual quarto lugar no ranking da ATP, Medvedev conquistou seu terceiro título em seis finais consecutivas disputadas desde o início da turnê pelas quadras duras após Wimbledon, em julho. Ele também levara o Masters 1000 em Cincinnati e o troféu de São Petersburgo nesse período.

No mês passado, Medvedev também chegou à sua primeira final de Grand Slam no Aberto dos EUA, ocasião em que desafiou Rafael Nadal numa partida memorável de cinco sets antes de o espanhol garantir seu 19.º troféu de Grand Slam na carreira.

"É algo ultrajante o que fiz nos últimos meses", brincou o tenista de 23 anos, ainda na quadra, após a conquista.

Comentários


Veja Também


Soares leva a melhor sobre Melo em Xangai; Medvedev é campeão na chave de simples

Em final envolvendo dois brasileiros, melhor para Bruno Soares, que ao lado do croata Mate Pavic sagrou-se campeão da chave de duplas do Masters 1000 de Xangai na madrugada deste domingo, diante do compatriota Marcelo Melo e do polonês Lukasz Kubot. Com um placar de 2 sets a 0, parciais de 6/4 e ...

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:
Voltar