Setecidades

Uso de recursos naturais e questões sociais são temas em redações de concurso


A 13ª edição do Desafio de Redação envolveu ontem debates sobre a manutenção de recursos naturais, utilização de fontes de energia renováveis e a melhoria de questões sociais. Alunos da EE (Escola Estadual) Professor Antônio Branco Rodrigues Júnior, no bairro Piraporinha, em Diadema, refletiram sobre A Região Que Eu Quero Em 2030, tema do concurso literário do Diário em parceria com a USCS (Universidade Municipal de São Caetano).

Aluna do 9º ano do ensino fundamental, Daiane Alves da Silva, 15 anos, escreveu sobre a preservação de recursos naturais e sugeriu o uso de fontes de energia alternativas para melhorar a qualidade do ar. “A situação que estamos vivendo é precária e precisamos avançar e substituir combustíveis fósseis por energia elétrica.”

Da mesma turma, Júlia Renato da Silva, 14, sugeriu diversas mudanças no Grande ABC, sobretudo em Diadema, município onde reside e estuda. A jovem salientou que, nas escolas, é preciso investir na contratação de professores substitutos, dado que quando o docente titular falta, os alunos ficam sem aula. 

Pensando em outros setores, a menina destacou o combate à violência contra a mulher e o investimento em habitação. “Todas estas questões poderiam ser resolvidas se o governo pensasse mais na população e menos em corrupção”, criticou. “Nós precisamos ir à luta porque as mudanças dependem de nós.”

Já o colega de sala Carlos Henrique Morais da Costa, 15, dissertou sobre a retomada da simplicidade da sociedade. “Quando falamos no futuro, pensamos em avanço, mas acabamos desvalorizando coisas simples, como o contato físico, que foi reduzido a uma conversa pelo celular.”

A diretora Kátia Regina de Almeida Carnevale avalia que o desafio permitiu que os jovens pensassem sobre o futuro. “Eles, muitas vezes, não têm perspectiva de futuro e nunca nem pararam para pensar no assunto. Então, esta é uma oportunidade para eles mudarem as coisas de acordo com o que desejam.”

A iniciativa do Diário é patrocinada pelo Cemitério Vale dos Pinheirais, em Mauá, e pelo Saesa (Sistema de Água, Esgoto e Saneamento Ambiental) de São Caetano. Hoje, oito escolas participam.

Comentários


Veja Também


Uso de recursos naturais e questões sociais são temas em redações de concurso

A 13ª edição do Desafio de Redação envolveu ontem debates sobre a manutenção de recursos naturais, utilização de fontes de energia renováveis e a melhoria de questões sociais. Alunos da EE (Escola Estadual) Professor Antônio Branco Rodrigues Júnior, no bairro Piraporinha, em Diadema, refletiram s...

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:
Voltar