Cena Política

Volpi ainda ouve para ser candidato em Mauá


Ex-prefeito de Ribeirão Pires, Clóvis Volpi está de malas prontas para o PL e para tentar o terceiro mandato no município. Porém, a instabilidade política de Mauá – na última semana, Atila Jacomussi (PSB) retornou à função de prefeito, em nova reviravolta no município – ainda faz alguns agentes políticos a batalharem para que Volpi permaneça no pleito em Mauá. Em 2016, Volpi concorreu à Prefeitura de Mauá, pelo PSDB, e terminou na terceira posição, em colocação considerada surpreendente. Mas, passado esse processo eleitoral, Volpi voltou sua vida para Ribeirão. A chance de reviravolta na estratégia do ex-prefeito é pequena, mas há quem acredite ser possível convencê-lo. Volpi tem até abril para decidir o que vai fazer.

BASTIDORES

Visita
O prefeito de Diadema, Lauro Michels (PV), foi ao gabinete do deputado estadual Márcio da Farmácia (Podemos), que foi seu vice-prefeito até março. Oficialmente, a visita foi para tratar de demandas que o município precisa e que Márcio terá de intermediar – como a resolução do impasse da Rede Lucy Montoro na cidade. Foi a primeira ida oficial de Lauro ao gabinete do aliado desde a posse. O verde quer convencer Márcio a ser candidato à sucessão, no ano que vem, mas problemas de saúde têm atrapalhado os planos.

Nomeação
Por falar no ex-prefeito de Ribeirão Pires Clóvis Volpi, ele emplacou seu filho, Raphael Pinheiro Volpi, como assessor na Secretaria de Planejamento no governo do prefeito de São Caetano, José Auricchio Júnior (PSDB). Volpi e Auricchio são aliados políticos – não à toa que Volpi foi um dos principais estrategistas da campanha de Thiago Auricchio, filho do prefeito são-caetanense, a deputado estadual no ano passado.

Movimentações
Em São Bernardo, as movimentações políticas começam a ganhar corpo. O grupo aliado do deputado federal Alex Manente (Cidadania) tem defendido o lançamento de candidatura de Alex ao Paço. Por outro lado, os aliados do ex-prefeito Luiz Marinho (PT) tentam captar mais gente para o provável projeto eleitoral do ano que vem. Tanto que conseguiu atrair alguns nomes que circulavam no bloco de Alex.

Mudança
Vice-prefeito de Santo André, Luiz Zacarias (PTB) entrou em dieta e perdeu 25 quilos. O petebista, quando questionado, faz questão de frisar: sem cirurgia. “Cortei a comida, a cerveja e com exercícios físicos”, diz o vice. No meio político, a mudança corporal de Zacarias virou motivo de brincadeiras. Há quem afirme que o petebista, ao ver que pode perder o posto de número dois na chapa do prefeito Paulo Serra (PSDB) na eleição do ano que vem, decidiu correr para permanecer na vaga. 

Comentários


Veja Também


Volpi ainda ouve para ser candidato em Mauá

Ex-prefeito de Ribeirão Pires, Clóvis Volpi está de malas prontas para o PL e para tentar o terceiro mandato no município. Porém, a instabilidade política de Mauá – na última semana, Atila Jacomussi (PSB) retornou à função de prefeito, em nova reviravolta no município – ainda faz alguns agentes p...

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:
Voltar