Esportes

Andreescu festeja vaga na final do US Open contra Serena


Em um duelo encerrado no início da madrugada desta sexta-feira, a canadense Bianca Andreescu, de 19 anos, fez história na Arthur Ashe Stadium, a quadra central do complexo de Flushing Meadows, em Nova York, nos Estados Unidos. A atual número 15 do mundo derrotou a suíça Belinda Bencic, 12.ª do ranking da WTA, por 2 sets a 0 - com parciais de 7/6 (7/3) e 7/5, após 2 horas e 13 minutos - e se tornou a segunda tenista de seu país a se classificar à final do US Open, o quarto e último Grand Slam da temporada.

Esse feito de Andreescu acontece justamente em sua estreia na competição. Ela repete a norte-americana Venus Williams, que foi finalista em sua primeira participação no US Open em 1997. Quem também fez isso foi Pam Shriver na edição de 1978, quando disputava apenas seu segundo Grand Slam. A jovem canadense faz em Nova York a sua quarta aparição na chave principal de um torneio deste porte.

"Lutei muito para isso. Para chegar nesse ponto. Sempre sonhei com esse momento desde que era criança. Mas acredito que muita gente não pensava que isso (vaga na final) se converteria em realidade", disse Andreescu, na entrevista coletiva após a vitória sobre Bencic, que foi a sua 12.ª consecutiva no circuito profissional.

Em busca de seu primeiro título de Grand Slam, Andreescu terá um grande desafio pela frente neste sábado, a partir das 17 horas (de Brasília). A sua rival será a norte-americana Serena Williams, ex-número 1 do mundo e atual oitava colocada, que mais cedo havia derrotado a ucraniana Elina Svitolina por 2 sets a 0, em pouco mais de uma hora de jogo.

Serena busca o histórico 24.º título de Grand Slam da carreira para igualar o recorde de conquistas da australiana Margaret Court. A veterana de 37 anos enfrentou Andreescu no mês passado na final do Torneio de Toronto, no Canadá, mas abandonou a partida ainda no primeiro set por conta de uma lesão nas costas. A canadense sequer era nascida quando a norte-americana venceu o seu primeiro Grand Slam no US Open de 1999.

Segunda canadense em uma final de Grand Slam, Andreescu tenta dar o primeiro título a uma jogadora de seu país. Em 2014, Eugenie Bouchard ficou com o vice na grama de Wimbledon. "Sigo acreditando em mim mesma. Mas acredito que nesse momento, depois de ganhar a semifinal, estava em estado de choque. Realmente acredito que mereço está na final", completou.

Comentários


Veja Também


Andreescu festeja vaga na final do US Open contra Serena

Em um duelo encerrado no início da madrugada desta sexta-feira, a canadense Bianca Andreescu, de 19 anos, fez história na Arthur Ashe Stadium, a quadra central do complexo de Flushing Meadows, em Nova York, nos Estados Unidos. A atual número 15 do mundo derrotou a suíça Belinda Bencic, 12.ª do ra...

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:
Voltar