Nacional

Estudo testa uso de canabidiol contra o crack


Pesquisa conduzida pela Universidade de Brasília (UnB) vai avaliar se o canabidiol, substância presente na maconha, é eficaz no tratamento de dependentes de crack. Liderado pela professora Andrea Gallassi, o trabalho vai comparar o método convencional, feito a partir de uma associação de medicamentos, com o óleo da planta.

A ideia de testar o canabidiol surgiu com base na constatação dos efeitos terapêuticos da substância. Vários trabalhos mostram efeitos positivos para reduzir a compulsão, melhorar a insônia e a ansiedade - todos problemas identificados entre usuários de crack.

A pesquisadora obteve autorização para importar o óleo. O estudo, com duração de dois meses, será feito com 80 pacientes. Metade deles usará o canabidiol e metade receberá o tratamento convencional. Esta é a segunda pesquisa no mundo realizada para avaliar o impacto do canabidiol entre dependentes de crack. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Comentários


Veja Também


Estudo testa uso de canabidiol contra o crack

Pesquisa conduzida pela Universidade de Brasília (UnB) vai avaliar se o canabidiol, substância presente na maconha, é eficaz no tratamento de dependentes de crack. Liderado pela professora Andrea Gallassi, o trabalho vai comparar o método convencional, feito a partir de uma associação de medicame...

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:
Voltar