Cena Política

Alex e Maia em relação próxima


Quem acompanha os corredores na Câmara Federal e que tem noção da política do Grande ABC percebeu a proximidade do deputado federal Alex Manente (Cidadania), de São Bernardo, com o presidente da casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ). Alex dispõe de cargo na mesa diretora por ser secretário de relações internacionais, cargo de indicação da presidência. Recentemente, o democrata replicou uma postagem de Alex no Twitter com críticas ao ministro da Cidadania, Osmar Terra, que tenta impedir a autorização da plantação controlada da cannabis sativa para uso exclusivo medicinal. Houve também sondagem de Maia para que Alex migre para o DEM – o presidente da Câmara costura plano de levar ao menos 15 deputados federais à sua sigla e, assim, virar player definitivo para a eleição de 2022. Neste momento, Maia passa boa impressão à classe política e ao mercado, pois, ao lado do ministro da Economia, virou fiador da reforma da Previdência.

BASTIDORES

Herdeiro
Filho do ex-vereador Vaguinho do Conselho (PRB), Gustavo Feitoza começa a construir estratégia para ser candidato a vereador de Diadema em 2020. Ele até teria encaminhado filiação ao PSL, que, na cidade, projeta lançar Jhonny Rich como prefeiturável. Gustavo, até pouco tempo atrás, estava na Prefeitura de São Caetano, em uma costura eleitoral feita por seu pai para apoio à candidatura de Thiago Auricchio (PL), eleito deputado estadual em 2018. Vaguinho, por sua vez, diz ainda que pode disputar a Prefeitura. Em 2016, chegou ao segundo turno, mas foi derrotado por Lauro Michels (PV).

Seminário
A Assembleia Legislativa realiza no dia 23 a quarta edição do Seminário de Direito Eleitoral para Orientação dos Agentes Políticos. O evento contará com os presidentes do TRE-SP (Tribunal Regional Eleitoral), Carlos Eduardo Cauduro Padin, e do TCE (Tribunal de Contas do Estado), Antonio Roque Citadini; do secretário diretor-geral do TCE, Sérgio Siqueira Rossi; do procurador Rafael Neubern, do Ministério Público de Contas do Estado, e com os advogados especialistas em Direito Eleitoral Alexandre Rollo, Arthur Rollo, João Fernando Lopes de Carvalho e Ricardo Vita Porto.

Bode na sala
O PT de Santo André tinha planos de decidir internamente, antes do PED (Processo de Eleição Direta), o futuro prefeiturável da sigla. Entretanto, o movimento feito pelo vereador Willians Bezerra, em retaliação ao chapão de apoio à candidatura do ex-vereador Antonio Padre para presidir o partido, deve modificar toda a estratégia da legenda na cidade. Muitos dirigentes admitem, internamente, que a definição do candidato ao Paço ficará somente para depois da eleição para a próxima executiva da legenda.

Defesa
O PDT nacional publicou nota de desagravo ao ex-secretário de Obras de Mauá Júnior Orosco (PDT), que tenta, na Justiça Eleitoral, a reversão de condenação que impugnou sua votação para deputado federal. Tratando o político como “parlamentar federal eleito”, a sigla disse que o TSE (Tribunal Superior Eleitoral) busca mudar jurisprudência na análise do caso de Orosco. O pedetista teve votação anulada por condenação sofrida ainda no pleito de 2014, quando efetuou doações eleitorais acima do limite legal, e também por ter contas rejeitadas quando dirigiu a Sama (Saneamento Básica do Município de Mauá) na gestão de Leonel Damo. O recurso foi rejeitado por três ministros. Faltam quatro votos. E Edson Fachin, do STF (Supremo Tribunal Federal), pediu vistas do processo.

Ficha Limpa de Ribeirão
A Câmara de Ribeirão Pires adiou por uma sessão a votação do projeto de lei, de autoria do vereador Danilo da Casa da Sopa (PSB), para instituir a Ficha Limpa municipal. O parlamentar Banha (Cidadania) argumentou que o texto era simples demais e apresentou um substitutivo. Líder do governo na casa, Amaury Dias (PV) também protocolou um texto próprio. Houve discussão de todas as partes. Para evitar confusão, a casa transferiu o dia de análise da proposta. 

Comentários


Veja Também


Alex e Maia em relação próxima

Quem acompanha os corredores na Câmara Federal e que tem noção da política do Grande ABC percebeu a proximidade do deputado federal Alex Manente (Cidadania), de São Bernardo, com o presidente da casa, Rodrigo Maia (DEM-RJ). Alex dispõe de cargo na mesa diretora por ser secretário de relações inte...

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:
Voltar