Cena Política

PED atrapalha unidade em Mauá


Mauá foi colocada na lista de prioridades do PT na tentativa de reaver algumas administrações municipais após, em 2016, a legenda não eleger um prefeito sequer. A palavra de ordem no petismo mauaense é unidade, para evitar qualquer racha que possa atrapalhar na estratégia para o ano que vem. Porém, no primeiro teste para a construção dessa unidade, a sigla mostrou que arestas ainda precisam ser aparadas. O grupo do ex-vice-prefeito Paulo Eugenio Pereira Junior lançou candidato próprio ao PED (Processo de Eleição Direta), que escolherá o próximo presidente do diretório, contra o atual mandatário da agremiação, Getúlio Júnior, o Juninho, apoiado pela maioria dos militantes. Quem se colocou à frente do debate para unificar o partido foi o ex-prefeito Oswaldo Dias. Um dos cotados para ser prefeiturável em 2020, Oswaldo tenta pavimentar a candidatura exclusiva de Juninho, evitando fissuras no PED.

BASTIDORES

Justificativa
Ex-vice-prefeito de Mauá, Paulo Eugenio Pereira Junior negou que o apoio à candidatura de Narcisio Buglio, contra o atual presidente do PT de Mauá, Getúlio Júnior, o Juninho, seja para rachar a sigla. “Acredito que o presidente do partido não deve ser candidato a vereador para poder coordenar a campanha a prefeito, coligações e montar a chapa de candidatos. E o atual presidente pretende ser candidato a vereador”, disse. Ele também pontuou que o projeto de Narcisio representa “giro à esquerda, popular, feminista, antirracista”. “Queremos um partido militante, jovem, LGBTI, socialista e radical, para reconstruir o PT em Mauá.”

Café amargo
Na Câmara de São Bernardo, o vereador Pery Cartola (PSDB), líder do governo na casa, devolveu as máquinas de café alugadas pelo Legislativo para a presidência, hoje sob responsabilidade de Ramon Ramos (PDT). Cada gabinete recebeu um equipamento, da marca Saeko, em contrato firmado neste ano pelo pedetista. Quando presidente, no biênio 2017-2018, Pery cortou esse benefício dos parlamentares com discurso de austeridade com o recurso público.

Veículos elétricos
O vereador Jander Lira (PP), de São Caetano, defendeu que a GCM (Guarda Civil Municipal) adote frota com veículos elétricos. “São Caetano tem que se preparar para o futuro da mobilidade urbana. O mundo todo está mudando para o transporte elétrico, e o poder público tem a obrigação de sinalizar nesse sentido.” No projeto, Jander solicita que 20% dos carros sejam elétricos, incluindo GCM e outras secretarias, até 2025. “O poder público precisa começar a mudança de sua matriz energética.”

Movimentação
O vereador Rafael Demarchi, de São Bernardo, não deve continuar no PRB para a eleição do ano que vem. A sigla está próxima do governo do prefeito Orlando Morando (PSDB). A situação de Rafael é monitorada de perto por lideranças do PT da cidade, que deve apostar na candidatura do ex-prefeito Luiz Marinho ao Paço. O nome de Rafael é comentado para ser vice do petista.

Florais
O prefeito de Rio Grande da Serra, Gabriel Maranhão (Cidadania), reclamou de picos de ansiedade e revelou que tem tomado florais de Bach na tentativa de se acalmar. Ele só não quis revelar os motivos pelos quais anda tão ansioso. Talvez seja a aproximação do processo eleitoral, no qual ele terá de apostar em um candidato à sua sucessão.

Volta ao batente
Os vereadores de Diadema retomam hoje os trabalhos com oito projetos na pauta para votação. Um deles, de autoria de Paulo Bezerra (PV), determina à Prefeitura a cessão de intérprete de Libras (Língua Brasileira de Sinais) durante o pré-natal e o parto de gestantes com deficiência auditiva. Outro, de Boquinha (Cidadania), exige vacinação contra hepatite tipo A para funcionários da empresa que presta serviço de coleta de resíduos sólidos. 

Comentários


Veja Também


PED atrapalha unidade em Mauá

Mauá foi colocada na lista de prioridades do PT na tentativa de reaver algumas administrações municipais após, em 2016, a legenda não eleger um prefeito sequer. A palavra de ordem no petismo mauaense é unidade, para evitar qualquer racha que possa atrapalhar na estratégia para o ano que vem. Poré...

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:
Voltar