Política

No páreo, Taka vira vidraça em Diadema


Quarto colocado na eleição de 2016 em Diadema e considerado a surpresa daquele pleito, Taka Yamauchi (PSD) já anunciou que será prefeiturável no ano que vem. Tem montado seu grupo político, criou movimento na cidade e tem circulado no município. Algumas pesquisas de intenções de voto – ainda extraoficiais – mostram Taka com potencial eleitoral. E, junto a isso, vêm as críticas. Secretário de Obras de Ribeirão Pires, no governo de Adler Kiko Teixeira (PSB), Taka foi questionado sobre o imbróglio jurídico envolvendo o Festival de Chocolate ribeirão-pirense. Circula nas redes sociais montagem criticando o pessedista pelo fato de a Justiça ter determinado a paralisação do evento por falta de licença do Corpo dos Bombeiros. O que indica que Taka deve ser player na eleição. 

Ipiranga

 Deputado estadual por São Caetano, Thiago Auricchio (PL) se reuniu nesta semana com o secretário de Infraestrutura e Meio Ambiente do Estado, Marcos Penido, e com o subprefeito do Ipiranga, na Capital, Caio Luiz, para debater investimentos para o bairro paulistano. “Nós temos problemas comuns que carecem de uma atuação conjunta. Quando os gestores públicos dessa área estão em harmonia, as políticas públicas avançam. Queremos solucionar os problemas de enchentes que ocorrem na Avenida Almirante Delamare”, discorreu Thiago. Durante o encontro, o parlamentar solicitou a construção de galeria pluvial no Ipiranga para tentar combater as enchentes.

PT de Rio Grande – 1

 No PT de Rio Grande da Serra, o vereador Benedito Araújo anunciou internamente que abriu mão de ser candidato a prefeito pelo partido no ano que vem. Seu nome vinha sendo cogitado nos bastidores para ingressar na tentativa de sucessão do prefeito Gabriel Maranhão (Cidadania). Ex-presidente do PT de Rio Grande, Erick de Paula se colocou à disposição do partido para assumir a cabeça da chapa no pleito do ano que vem.

PT de Rio Grande – 2

 Outra figura do PT de Rio Grande da Serra que se movimenta para ser candidato à Prefeitura no ano que vem é o ex-prefeito Ramon Velásquez. Ramon foi chefe do Executivo de Rio Grande no início dos anos 2000, em momento político turbulento, com morte de prefeitos e prisão de vereador. Nos últimos anos, se distanciou da legenda, ameaçou sair do partido, mas voltou a militar. Tem dito, à boca pequena, que será prefeiturável. No PT ou fora dele.

Sessão solene – 1

 A Câmara de São Caetano realizou ontem sessão solene em homenagem aos 142 anos da cidade. A cerimônia foi conduzida pelo prefeito José Auricchio Júnior (PSDB) e pelo presidente da casa, Pio Mielo (MDB) – o ex-prefeito Paulo Pinheiro (DEM) e o deputado estadual Thiago Auricchio (PL) estiveram presentes. O aniversário de São Caetano é domingo.

Sessão solene – 2

 Em São Bernardo, a sessão solene em celebração aos 466 anos do município acontecerá no dia 15 de agosto, a partir das 19h, na Câmara. A cidade faz aniversário no dia 20 de agosto.

Comentários


Veja Também


No páreo, Taka vira vidraça em Diadema

Quarto colocado na eleição de 2016 em Diadema e considerado a surpresa daquele pleito, Taka Yamauchi (PSD) já anunciou que será prefeiturável no ano que vem. Tem montado seu grupo político, criou movimento na cidade e tem circulado no município. Algumas pesquisas de intenções de voto – ainda extr...

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:
Voltar