Memória

É preciso salvar a obra do professor Rossi


“Os que nunca fizeram coisa alguma somente conseguem ver o que está para ser feito.”

Professor José Rossi

-------

“Soube hoje que toda a história do professor José Rossi está sendo destruída aos poucos no Estádio Primeiro de Maio. Por que não chamaram a família para retirar os seus pertences já que não tinham interesse em mantê-los como história?”

Márcia Perecin, atleta verdadeiramente símbolo de São Bernardo, em carta aberta publicada na seção “Palavra do Leitor”, edição de 27-5-2019 do Diário

-------

“Uma pergunta aos atuais dirigentes esportivos de São Bernardo: quem criou a filosofia ‘Bola nos pés, livro nas mãos’? Não sabem? Então tratem de estudar a história esportiva da cidade que vocês dirigem.”

Página Memória, 19-8-2013.

NOTA – Em 2013, quando denunciamos o descaso com a obra do professor José Rossi, a cidade era dirigida pelo prefeito Luiz Marinho, do PT; seis anos depois, apenas o prefeito mudou: Orlando Morando, do PSDB. Quanto à História, quem liga para ela? Qual prefeito dará um murro na mesa e determinará: salvem a memória do professor José Rossi.

Uma das notícias que Memória levará à 112ª reunião do MemoFut (Grupo Literatura e Memória do Futebol), no Museu do Futebol, no Pacaembu, dia 13 próximo, será sobre a obra e acervo do professor José Rossi. Um craque, nos campos nacionais e internacionais e fora deles, com o seu projeto maior: “Bola nos Pés, Livro nas Mãos”, que ele criou em 1948, na cidade paulista de Mirandópolis, e que trouxe para São Bernardo em 1958.

De 1939 a 1954, José Rossi jogou bola na várzea do bairro da Penha, em São Paulo, no juvenil do Comercial da capital (quando foi convocado para a seleção paulista da categoria), São Paulo de Araçatuba, CA Mirandópolis, São Bento de Marília, América do Rio de Janeiro, Olimpique de Nice e AS Cannes, os dois últimos da França, além de inúmeras partidas internacionais em caráter de empréstimo pelas equipes Bezzier, Roubax e Toulon.

“No entanto, o que nós trazemos como felicidade maior foi o trabalho realizado com equipes mirins, principalmente, cuja escalação dos mini-atletas era feita pelas notas e frequência escolar, reinando o verdadeiro espírito ‘Bola nos Pés, Livro nas Mãos’, como ele escreve na primeira edição do seu livro com este título.

Em vida, José Rossi foi homenageado, dentro e fora do Grande ABC, inclusive nos Estados Unidos, Argentina, França, Cuba, Chile, Bélgica, Japão. Ganhou prêmios como poeta, entre eles o 1º lugar – Medalha de Ouro – no 4º Concurso Nacional e Internacional de Contos e Poesias, categoria “Poesias Políticas”, no Rio de Janeiro.

Morto em 2001, a família repassou o acervo de José Rossi à Prefeitura de São Bernardo, com a expectativa de que fosse criado um espaço com o seu nome. Em 2006, Memória denunciou que o acervo permanecia encaixotado. Neste ano de 2019, o acervo está se destruindo, denuncia Márcia Perecin.

Secretaria de Esportes de São Bernardo, se você não tem capacidade para preservar essa obra única, negocie a sua transferência para um espaço digno. Um deles: a biblioteca do Museu do Futebol, em São Paulo.


Em 3 de julho de...

1919 -  Diretores da Tecelagem Lucinda, a Ipiranguinha, em Santo André, anunciam que pretendem dispensar alguns operários em greve.

Em Nova York, Epitácio Pessoa pede para que não lhe fossem mais oferecidas recepções oficiais. O presidente eleito do Brasil preparava-se para retornar ao Brasil, a bordo do couraçado norte-americano Idaho. 

Anúncio: marmelada japonesa, alta novidade: Rua 11 de Agosto, 7, em São Paulo.

INTERNACIONAL

Do noticiário do Estadão: Alemanha, 2 – O jornal Aligemeine Zeitung diz-se informado de que nenhuma medida foi ainda adotada para assegurar-se a rápida ratificação do tratado de paz.

1929 - Congregação de Nossa Senhora da Candelária, de São Caetano, envia representação ao superintendente da Light and Power pedindo a extensão da rede de iluminação elétrica até a igreja no alto do bairro Monte Alegre.

1959 - Por 122 votos contra 57, operários da Fiação e Tecelagem Santo André rejeitaram contraproposta salarial dos empregadores. Estão em greve há 75 dias.

A fábrica manteve a contraproposta de aumento de 5% para os horistas, de 10% para os tarefeiros e pagamento de 23 dias da greve na forma de férias, ficando os demais dias de paralisação por conta dos empregados.

1969 - Álvaro Landi assume a Subprefeitura do Riacho Grande, em São Bernardo.

Diário há 30 anos

Domingo, 2 de julho de 1989 – ano 32, edição 7107 

Especial - Os 20 anos de uma ideia concreta: Paço Municipal de Santo André, inaugurado em 8 de abril de 1969.

Ao comemorar o 20º aniversário de sua inauguração, o Paço andreense apresentava sérias interferências nos projetos originais, que levam a assinatura do arquiteto Rino Levi (1901-1965), da escola racionalista; e paisagista Roberto Burle Marx.

Roberto Cerqueira Leite, da equipe de Rino Levi, apontava tais interferências:

1 – Utilização da área externa do piso da Câmara Municipal como estacionamento;

2 – Patos e marrecos instalados no espelho d’água;

3 – A colocação de gradis nas rampas.

Nota - Pelo jeito, apenas os patos e marrecos foram retirados do espelho d’água, salvando-se da poluição em torno.

Santo André/São Bernardo - Anuncia-se que o projeto da Avenida Lauro Gomes, na divisa dos dois municípios, vai sair do papel após 15 anos.

Santos do dia

- Leão II. Siciliano. Foi papa por um curto período entre os anos 682 e 683, menos de 11 meses.

- Tomé, israelita. Um dos 12 apóstolos de Jesus

Municípios brasileiros

Celebram aniversários em 3 de julho:

- Em São Paulo, Águas da Prata. Elevado a município por decreto de 1935, quando se separa de São João da Boa Vista. O nome foi inspirado no nome do Ribeirão da Prata, que corta a cidade.

- No Acre, Brasiléia

- Em Goiás, Cocalzinho de Goiás

- Em Minas Gerais, Montes Claros, Três Pontas e Ubá

Fonte: IBGE 

Comentários


Veja Também


É preciso salvar a obra do professor Rossi

“Os que nunca fizeram coisa alguma somente conseguem ver o que está para ser feito.”

Professor José Rossi

-------

“Soube hoje que toda a história do professor José Rossi está sendo destruída aos ...

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:
Voltar