Cena Política

Movimentações no PT de São Bernardo


Marcado para o dia 8 de setembro, o PED (Processo de Eleições Diretas) no PT de São Bernardo já movimenta os bastidores do partido. Dois nomes despontam para suceder Brás Marinho, irmão do ex-prefeito Luiz Marinho, e que está à frente do diretório por dois mandatos. Um deles é Cleiton Coutinho, atual secretário-geral da legenda e ligado ao grupo do ex-vereador Zé Ferreira. O outro é João Bosco, que presidiu a sigla quando Mauricio Soares (hoje no PHS) era prefeito pelo PT, nos anos 1980. Coutinho vem costurando apoio da ala de Marinho e dos deputados estaduais Luiz Fernando Teixeira e Teonilio Barba. Bosco, por sua vez, é de um bloco mais à esquerda na CNB (Construindo um Novo Brasil), corrente majoritária no petismo. O que se comenta é que a candidatura de Bosco tem sido bem vista pela ex-deputada Ana do Carmo, cujo grupo, atualmente, é um dos maiores do diretório de São Bernardo.

Prospecção
O PSB tem se articulado pensando na eleição do ano que vem. Em Mauá, há monitoramento da situação do prefeito cassado Atila Jacomussi, filiado à sigla e que tem tentado, na Justiça, reverter o impeachment sofrido e as punições decorrentes da decisão da Câmara. Em Ribeirão Pires, a meta é manter Adler Kiko Teixeira nos quadros. Em São Bernardo, há quem considere a hipótese de resgatar o ex-prefeito William Dib, que por anos foi das fileiras socialistas e que hoje é presidente da Anvisa. O ex-chefe do Executivo, entretanto, não tem dado mostras de vontade de concorrer ao Paço.

Debate
Por falar no PT de São Bernardo, ontem à noite o diretório sediou o primeiro encontro de prestação de contas unificado dos deputados estaduais Luiz Fernando Teixeira (PT) e Teonilio Barba (PT). O ex-prefeito Luiz Marinho, atual presidente estadual do petismo, também participou.

Visita
O prefeito de São Bernardo, Orlando Morando (PSDB), e sua mulher, a deputada estadual Carla Morando (PSDB), receberam, na noite de domingo, o vice-governador Rodrigo Garcia (DEM). Segundo o tucano, o diálogo foi para tratar de assuntos do governo do Estado e a conjuntura nacional.

Expediente normal
Vereadores de Mauá terão de cumprir agenda normal hoje, em sessão, depois da rejeição e reapresentação da LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias) de 2020. O principal projeto na ordem do dia é um de autoria do governo de Alaíde Damo (MDB) alterando regras da regulamentação para exploração do serviço de táxi na cidade. A principal mudança é a reserva de 10% das vagas para motoristas com deficiência.

Aniversário
No sábado, a Câmara de São Bernardo celebrou os 32 anos da Vila São Pedro, em sessão solene presidida pelo vereador Gordo da Adega (PCdoB), cuja região é seu reduto. Foi proposta homenagem a 32 personalidades da localidade, uma das mais tradicionais da cidade. O comunista lembrou dos percalços que passou quando chegou ao bairro. “Quando nós íamos para a escola no barracão, eu me lembro de ter que colocar uma sacola no pé, isso quando não sujávamos toda nossa roupa (de barro).” Houve também festa, com shows musicais, para os moradores no domingo. 

Comentários


Veja Também


Movimentações no PT de São Bernardo

Marcado para o dia 8 de setembro, o PED (Processo de Eleições Diretas) no PT de São Bernardo já movimenta os bastidores do partido. Dois nomes despontam para suceder Brás Marinho, irmão do ex-prefeito Luiz Marinho, e que está à frente do diretório por dois mandatos. Um deles é Cleiton Coutinho, a...

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:
Voltar