Cena Política

Alaíde é especulada para eleição de 2020


O núcleo duro do governo da prefeita de Mauá, Alaíde Damo (MDB), tem testado a popularidade da emedebista na cidade. Isso porque, pelo menos por enquanto, nenhum nome caiu nas graças do bloco situacionista para o pleito do ano que vem. A figura do secretário de Relações Institucionais e de Desenvolvimento Econômico, Paulo Barthasar, foi especulada – esta coluna mostrou a movimentação no início do mês –, mas já enfrenta resistência. O presidente da Câmara, Vanderley Cavalcante da Silva, o Neycar (SD), é outro na lista de espera, porém, também não é o preferido da ala governista, a despeito de ele possuir apoio de vereadores. Por isso, há quem pregue que a própria Alaíde seja candidata à reeleição. A emedebista mudou o comportamento nesta terceira passagem pelo comando do Paço, reformulou sua imagem pessoal e tem feito questão de liderar as discussões.

Frente parlamentar
A Frente Parlamentar em Apoio à Indústria Química do Estado de São Paulo será lançada na segunda-feira, em evento a partir das 15h, na Assembleia Legislativa. O bloco será coordenado pelo deputado estadual Thiago Auricchio (PL), de São Caetano. A Abiquim (Associação Brasileira da Indústria Química) já encaminhou nota otimista com os frutos que podem ser colhidos com o grupo.

Guerra fria – 1
A guerra fria da base governista com o secretário de Governo de Mauá, João Veríssimo, parece que vai durar mais alguns dias. O desempenho do ex-juiz no governo foi tema de debate entre a prefeita de Mauá, Alaíde Damo (MDB), e o presidente da Câmara, Vanderley Cavalcante da Silva, o Neycar (SD). Curiosamente, a crise com a rejeição da LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias), na terça-feira, explodiu quando Veríssimo não estava na cidade. Ele havia solicitado licença da função na mesma semana em que encaminhou a contratação de José Francisco Jacinto, o Icão, como secretário adjunto de Governo.

Guerra fria – 2
Nesta reunião, aliás, a prefeita de Mauá, Alaíde Damo (MDB), ficou sabendo do apelido atribuído pela bancada de sustentação ao secretário de Governo, João Veríssimo: Sergio Moro. Veríssimo é ex-juiz, assim como Moro, nacionalmente conhecido por cuidar dos processos envolvendo a Operação Lava Jato. E também como Moro, Veríssimo tateia seu espaço no ambiente político. Moro é ministro da Justiça e Segurança Pública do governo de Jair Bolsonaro (PSL).

Feriado
O prefeito de São Bernardo, Orlando Morando (PSDB), e a deputada estadual Carla Morando (PSDB) passaram o feriado ao lado do governador João Doria (PSDB). Registro feito em Campos do Jordão.

Investigação...
O vereador Jander Lira (PP), de São Caetano, justificou sua assinatura no pedido de CPI para investigar convênio feito entre a administração do ex-prefeito Paulo Pinheiro (DEM) com a Aciscs (Associação Comercial e Industrial de São Caetano) para realização do Natal Iluminado de 2016 – à ocasião, a entidade era administrada pelo advogado Walter Estevam Junior (PRB). Jander disse que é a favor de investigações de suspeitas de irregularidades, porém, avisou que pedirá para ampliar o raio de atuação do grupo, fazendo pente-fino em outras gestões da Aciscs.

... e eleição
Jander também protocolou projeto de lei para que haja eleição dos diretores de escolas municipais. Os gestores seriam escolhidos em votação da comunidade escolar – professores, alunos, pais de estudantes – e, segundo o vereador de São Caetano, conta com apoio de docentes e pessoas envolvidas no ambiente estudantil da cidade. O texto tramita na Câmara, à espera de pareceres dos órgãos técnicos da casa. 

Comentários


Veja Também


Alaíde é especulada para eleição de 2020

O núcleo duro do governo da prefeita de Mauá, Alaíde Damo (MDB), tem testado a popularidade da emedebista na cidade. Isso porque, pelo menos por enquanto, nenhum nome caiu nas graças do bloco situacionista para o pleito do ano que vem. A figura do secretário de Relações Institucionais e de Desenv...

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:
Voltar