Automóveis

Triumph apresenta novo modelo de moto clássica


Semana agitada para a Triumph. A fabricante britânica de motos anunciou o lançamento de um modelo e o início de comercialização de outro. A novidade é a Speed Twin, com característica mais clássica, que foi recentemente apresentada internacionalmente e se junta às outras seis opções do mesmo segmento oferecidas pela marca, entre elas a Street Scrambler, que começou a ser vendida na segunda-feira nas 17 concessionárias do País.
A Speed Twin, segundo aponta a própria Triumph “é baseada na tradicional e inesquecível Speed Twin original, produzida pela Triumph em 1938, incorporando todo o estilo, conforto, requinte e tecnologia de última geração da atual família Bonneville da marca. Reúne, portanto, o mesmo estilo contemporâneo da bem-sucedida Street Twin, embora com mais detalhes e recursos premium”. “O resultado é uma motocicleta única, atual e empolgante”, continua a montadora britânica, que sugere o preço de R$ 47.990.
Os itens que acompanham a Speed Twin são: rodas leves de alumínio fundido de sete raios, com 17 polegadas; pneus Pirelli Diablo Rosso III de alta especificação; controle de tração comutável e freios ABS padrão; posição de pilotagem confortável, reta e envolvente; guidão cônico, novos tubos de elevação e novo garfo superior; assento de banco com uma altura baixa, de 807 mm, tornando a moto acessível para todos os pilotos; e redução de peso de 10 kg em comparação com a Thruxton, contribuindo para a pilotagem líder da sua categoria. Oferece ainda três modos de pilotagem: sport, road e rain, com controles de tração específica para cada uma dessas situações.
Outros componentes são freios ABS, farol LED, tomada de carregamento USB, mostradores duplos e muito mais.
Já a Street Scrambler é definida pela Triumph como “linda, divertida, acessível e cheia de personalidade”, além de ter “atitude off-road agressiva e versatilidade arrojada”. Ela chegou ao mercado brasileiro no início da semana por R$ 43.850 com um conjunto significativo de atualizações no motor, chassi e suspensão, sob conceito de ser a escolha perfeita para quem gosta de personalizar a motocicleta.
A estratégia da Triumph é crescer no mercado brasileiro – fechou 2018 como a nona marca mais comercializada, com 4.397 unidades (o que representa 0,47% das vendas), atrás de Honda, Yamaha, Haojue, Shineray, BMW, Kawasaki, Harley-Davidson e Suzuki, mas à frente de Dafra, Kymco, Ducati, KTM e Royal Enfield.
 

Comentários


Veja Também


Triumph apresenta novo modelo de moto clássica

Semana agitada para a Triumph. A fabricante britânica de motos anunciou o lançamento de um modelo e o início de comercialização de outro. A novidade é a Speed Twin, com característica mais clássica, que foi recentemente apresentada internacionalmente e se junta às outras seis opções do mesmo segm...

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:
Voltar