Sua Saúde

Alimentos estimulantes


Esses alimentos, quando ingeridos, atuam no sistema nervoso, deixando momentaneamente excitado, revigorado e intelectualmente mais ativo.

Normalmente esse estímulo central consome a energia estocada pelo organismo, gerando uma sensação de prazer, mas esse fortalecimento temporário é seguido por um platô de calmaria e, às vezes, até mesmo de depressão.

Outros benefícios desses alimentos:
- Fontes de triptofano, precursor da serotonina.
- Aumento da libido.
- Auxiliam na fertilidade masculina.
- Melhoram o humor, com a ajuda da teobromina, a feniletilamina e o magnésio.
- Minimizam a degradação da anandamida, que prolonga a sensação de bem-estar.
- Possuem antioxidantes, como polifenóis e catequinas, que ajudam a reduzir o estresse e diminuem os radicais livres no cérebro.
- Consumo elevado de folato está associado à diminuição da depressão.
- A vitamina B3 colabora para a manutenção de hormônios que regulam as substâncias químicas do cérebro.
- O potássio, magnésio e biotina diminuem a ansiedade. 
- A tiamina e niacina ajudam a modular o humor, e a acetilcolina, cuja carência pode favorecer quadros de apatia, tensão e problemas de memória.
- Hidratos de carbono podem melhorar o ânimo em pessoas deprimidas e que sofram de apatia durante a TPM
- A falta de selênio no organismo está associada a quadros de depressão, irritação e ansiedade.
- O inositol é fundamental para o correto funcionamento cerebral.
- O cálcio reduz e controla o nervosismo e a irritabilidade.

Saiba mais:
- Os alimentos estimulantes apresentam algumas diferenças em relação aos energéticos.
- Os energéticos fornecem ao corpo humano uma quantidade significativa de energia.
- Seu consumo é indicado para pessoas que praticam esportes de alto impacto ou que participam de competições esportivas.
- Alguns alimentos que por apresentarem em sua composição química substâncias estimulantes podem tirar o sono.
- Aspargos ajudam na saúde sexual, tendo em vista que possuem folato, ajudando na produção de histamina, substância responsável pela libido.
- Aipo atua na produção de um hormônio chamado androsterona, aumentando a libido.
- Aveia ajuda na produção de testosterona e equilibra os níveis hormonais do corpo.
- Amêndoas auxiliam na manutenção da saúde sexual e fertilidade.
- Amendoim colabora no desempenho sexual, pois melhora a produção e mobilidade dos espermas.
- Caviar possui propriedades afrodisíacas.
- Sementes de abóbora melhoram a libido e a produção de testosterona.

Comentários


Veja Também


Alimentos estimulantes

Esses alimentos, quando ingeridos, atuam no sistema nervoso, deixando momentaneamente excitado, revigorado e intelectualmente mais ativo.

Normalmente esse estímulo central consome a energia estocada pelo organismo, gerando uma sensação de prazer, mas esse fortalecimento temporário é segui...

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:
Voltar