Política

Márcio da Farmácia contraria Regina e abre espaço para Alex


Candidato a deputado estadual, o vice-prefeito de Diadema, Márcio da Farmácia (Podemos), resolveu abrir espaço para dobrada com o deputado federal Alex Manente (PPS), postulante à reeleição, contrariando o desejo e a posição da ex-secretária Regina Gonçalves (PV), que também busca vaga em Brasília, que apostava em parceria exclusiva com o número dois do Paço na cidade.

Panfletos que têm sido distribuídos nas residências da cidade expõem a aliança entre o já parlamentar federal e o vice-prefeito. O material escala fotos de Márcio e Alex lado a lado, elenca série de ações realizadas na cidade que a dupla reivindica a paternidade e, principalmente, traz o número de campanha de cada um. A peça publicitária é assinada com o CNPJ da campanha de Alex, mas separa uma das páginas para Márcio. “Com postura ética e sempre próxima às pessoas, Márcio reconhece a necessidade da população e fez muito por nossa cidade. Criou vários projetos de lei quando foi vereador, foi responsável pela construção de várias creches e UBSs (Unidades Básicas de Saúde) como secretário de Obras e conquistou moradias como vice-prefeito”, afirma texto do folheto.

Leia Mais

Embora Alex já desfrutasse de influência e espaço no governo do prefeito Lauro Michels (PV), seu projeto à reeleição não tem o apoio oficial do Parque do Paço. A prioridade é privilegiar a candidatura de Regina, que disputa pela primeira vez vaga de deputada federal. Ocorre que a ex-secretária de Habitação da cidade vem perdendo a exclusividade dos apoios. Além da dobrada com Alex, Márcio tem expandido o leque de parcerias eleitorais ao pedir votos à deputada federal Renata Abreu, presidente nacional do partido de Márcio e responsável por abonar a filiação do vice-prefeito à sigla.

Regina não quis comentar o assunto. Quando anunciou apoio dos vereadores do PV à sua candidatura, no mês passado, criticou o voto de eleitores diademenses em candidatos de fora da cidade – a base eleitoral de Alex é São Bernardo – e citou explicitamente o popular-socialista. “O Lauro não apoia o Alex. Um grupo de vereadores do governo que apoia a candidatura do Alex. As candidaturas que o prefeito apoia são Márcio da Farmácia para estadual e Regina Gonçalves para federal. Não tenho dúvida sobre a unidade em torno da minha candidatura”, disse a ex-secretária, à ocasião.

HISTÓRICO
Esse movimento que Regina enxerga nesta eleição também ocorreu com os mesmos personagens no pleito de 2014. Na disputa de quatro anos atrás, a verde era candidata a estadual e Márcio, a federal. Embora tivesse apoio de Lauro, viu o prefeito pedir votos também ao então deputado estadual e hoje prefeito Orlando Morando (PSDB), de São Bernardo. Ela perdeu aquela eleição e o tucano foi reeleito para a Assembleia Legislativa – obteve 14.813 votos em Diadema. Em resposta, a verde abriu espaço justamente para Alex, tirando a exclusividade da campanha de Márcio na cidade. 

Comentários


Veja Também


Voltar