Economia

Faturamento do e-commerce no Dia dos Pais cresce 8%, para R$ 2,1 bilhões


O faturamento do comércio eletrônico no período de compras para o Dia dos Pais atingiu R$ 2,1 bilhões, uma expansão de 8% com relação ao mesmo período do ano passado, segundo levantamento Ebit/Nielsen, considerando a expectativa de compra dos consumidores no e-commerce de 28 de julho a 11 de agosto. O número de pedidos cresceu 22%, para 5,11 milhões, enquanto o tíquete médio foi de R$ 409, queda de 11,5%.

De acordo com Pedro Guasti, consultor de Negócios Ebit/Nielsen, houve uma mudança no comportamento do consumidor neste ano. "A queda no tíquete médio foi impactada diretamente pela venda de produtos com menor valor agregado, como livros, tênis, suplementos, perfume, camisetas e vinho", afirmou em nota. "Isso mostra que os consumidores virtuais ainda estão bastante receosos em comprar produtos caros e contrair dívidas", acrescentou Guasti.

Comentários


Veja Também


Faturamento do e-commerce no Dia dos Pais cresce 8%, para R$ 2,1 bilhões

O faturamento do comércio eletrônico no período de compras para o Dia dos Pais atingiu R$ 2,1 bilhões, uma expansão de 8% com relação ao mesmo período do ano passado, segundo levantamento Ebit/Nielsen, considerando a expectativa de compra dos consumidores no e-commerce de 28 de julho a 11 de agos...

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:
Voltar