Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 7 de Abril

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Beira-Mar deixa prédio da Justiça Federal no Rio de Janeiro


Do Diário OnLine

05/03/2007 | 16:53


O traficante Fernandinho Beira-Mar deixou o prédio da 5ª Vara Criminal da Justiça Federal, no Rio de Janeiro, na tarde desta segunda-feira, após participar de uma audiência. Acompanhado de um forte esquema de segurança, ele deve ser encaminhado para o Primeiro Distrito Naval da Marinha.

Beira-Mar saiu do presídio federal de Catanduvas (PR) na quinta-feira, seguiu para a Superintendência da Polícia Federal no Espírito Santo e hoje, por volta das 11h30, desembarcou no Rio. Uma equipe de 25 agentes federais escoltou o traficante até a audiência. O traficante não foi interrogado e apenas ouviu as testemunhas do processo em que ele é acusado de lavagem de dinheiro e tráfico de drogas, entre outros crimes.

Segundo informações da TV Globo, o transporte de Beira-Mar custou aos cofres públicos cerca de R$ 17 mil. Desde que foi preso, em 2001, seus traslados já consumiram quase R$ 200 mil.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Beira-Mar deixa prédio da Justiça Federal no Rio de Janeiro

Do Diário OnLine

05/03/2007 | 16:53


O traficante Fernandinho Beira-Mar deixou o prédio da 5ª Vara Criminal da Justiça Federal, no Rio de Janeiro, na tarde desta segunda-feira, após participar de uma audiência. Acompanhado de um forte esquema de segurança, ele deve ser encaminhado para o Primeiro Distrito Naval da Marinha.

Beira-Mar saiu do presídio federal de Catanduvas (PR) na quinta-feira, seguiu para a Superintendência da Polícia Federal no Espírito Santo e hoje, por volta das 11h30, desembarcou no Rio. Uma equipe de 25 agentes federais escoltou o traficante até a audiência. O traficante não foi interrogado e apenas ouviu as testemunhas do processo em que ele é acusado de lavagem de dinheiro e tráfico de drogas, entre outros crimes.

Segundo informações da TV Globo, o transporte de Beira-Mar custou aos cofres públicos cerca de R$ 17 mil. Desde que foi preso, em 2001, seus traslados já consumiram quase R$ 200 mil.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;