Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 2 de Dezembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Luxemburgo faz mistério e esconde o Palmeiras

O técnico proibiu a entrada da imprensa no CT da Barra Funda, onde comandou uma movimentação secreta



15/11/2008 | 07:00


O último treino do Palmeiras antes da partida contra o Flamengo, no domingo, no Maracanã, foi um mistério só na Academia de Futebol. Vanderlei Luxemburgo proibiu a entrada da imprensa no CT da Barra Funda na tarde de sexta-feira, comandou uma movimentação secreta e as poucas informações sobre o que aconteceu foram passadas pelo meia Diego Souza, que volta à equipe depois de cumprir suspensão contra o Grêmio.

O jogador se esquivou o quanto pôde das perguntas e disse apenas que o treinador testou três formações, sem revelar quais. Também não falou se houve treinos específicos de ataque ou defesa. "Se eu falar, eu caio", disse, rindo. "Posso falar que ele (Luxemburgo) mudou bastante o time, fez testes para ver o que mais gosta. Vamos ver qual será."

Diego Souza disse ainda que esteve presente em duas formações testadas pelo treinador. "Quero estar em campo e poder ajudar o Palmeiras."

Na quinta-feira, Luxemburgo realizou um coletivo e montou a equipe no 3-5-2. Sacou Elder Granja da ala direita e, surpreendentemente, escalou Fabinho Capixaba, que pouco tem atuado. Mas isso não significa que Capixaba vai para o jogo, já que, depois do treino secreto e das estratégias de Luxa, é impossível afirmar qualquer coisa com segurança.

Sexta-feira, Luxemburgo não concedeu entrevista - coisa que, aliás, tem evitado, falando no CT uma vez por semana, e depois dos jogos. Com o mistério na escalação, é possível até que Sandro Silva entre na lateral na vaga de Granja.

Para Roque Júnior, outro que pode voltar ao time depois de dois jogos afastado, por conta de uma lesão muscular, os treinos secretos fazem parte do futebol e podem ajudar o time nessa reta final. "Não dá para entregar o que aconteceu. Acho que gera dúvida no adversário. Quando dá a escalação antes, o treinador adversário pode montar a equipe de acordo com o que tem pela frente. Dessa maneira, fica uma dúvida. Acho que isso pode nos ajudar. É válido."



Quer receber em primeira mão as notícias das sete cidades do Grande ABC?

Entre no nosso grupo de WhatsApp. 
Clique aqui.
 

Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;