Fechar
Publicidade

Domingo, 16 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Desabamento de fábrica em Bangladesh deixou 46 mortos


Da AFP

15/04/2005 | 08:42


O desabamento de uma fábrica têxtil em Bangladesh deixou pelo menos 46 mortos e 116 desaparecidos, segundo dados oficiais divulgados nesta sexta-feira.

O acidente ocorreu durante a madrugada de segunda-feira devido à explosão de uma caldeira, quando inúmeros operários da equipe noturna trabalhavam na fábrica de Palash Bari, 30 km a noroeste da capital.

Segundo as autoridades, a fábrica de nove andares foi construída ilegalmente num terreno pantanoso de Palash Bari.

A indústria da confecção constitui a primeira fonte de exportações de Bangladesh. Representa 80 % das divisas estrangeiras e emprega 1,8 milhões de pessoas, principalmente mulheres, mal remuneradas. Os acidentes são constantes.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Desabamento de fábrica em Bangladesh deixou 46 mortos

Da AFP

15/04/2005 | 08:42


O desabamento de uma fábrica têxtil em Bangladesh deixou pelo menos 46 mortos e 116 desaparecidos, segundo dados oficiais divulgados nesta sexta-feira.

O acidente ocorreu durante a madrugada de segunda-feira devido à explosão de uma caldeira, quando inúmeros operários da equipe noturna trabalhavam na fábrica de Palash Bari, 30 km a noroeste da capital.

Segundo as autoridades, a fábrica de nove andares foi construída ilegalmente num terreno pantanoso de Palash Bari.

A indústria da confecção constitui a primeira fonte de exportações de Bangladesh. Representa 80 % das divisas estrangeiras e emprega 1,8 milhões de pessoas, principalmente mulheres, mal remuneradas. Os acidentes são constantes.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;