Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 14 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Guga bate Federer por 3 a 0 em Roland Garros


Do Diário OnLine
Com Agências

29/05/2004 | 16:33


Gustavo Kurten lembrou os velhos tempos e eliminou o suíço Roger Ferderer, primeiro do mundo no ranking de entradas e na Corrida dos Campeões, por 3 sets a 0 (triplo 6/4 em menos de 2 horas) na manhã deste sábado, avançando às oitavas-de-final do Torneio de Roland Garrros, na França.

O tricampeão do Aberto da França vai enfrentar na próxima etapa o jovem espanhol Feliciano López, que venceu o sul-coreano Lee Hiung-Taik nesta tarde por 3 sets a 1, com parciais de 7/6 (7/3), 4/6, 6/0 e 6/3.

Guga já havia enfrentado Federer por duas vezes, vencendo apenas uma, no Masters Series de Indian Wells (EUA), em 2003. O suíço, por sua vez, venceu o brasileiro no Masters de Hamburgo, em 2002. "Fui taticamente perfeito e acho que essa foi a grande diferença. Coloquei na minha cabeça que teria que jogar desta maneira, não deixando ele se sentir a vontade em nenhum momento do jogo e, estive o tempo todo muito concentrado", declarou Guga após o jogo.

"Para mim é um grande prazer voltar e ganhar em Paris. Não esperava poder jogar bem por causa da minha condição física, mas este é um torneio muito especial para mim. Federer me fez jogar no limite de minhas possibilidades, mas era o que tinha de fazer para poder continuar. Roland Garros é meu segundo lar e vencer o número um do mundo aqui é uma façanha... algo que gera um sentimento muito especial", completou o brasileiro.

Federer, resignado com o desempenho do brasileiro, admitiu: "ele esteve muito acima de sua forma atual. Além disso, o público estava por completo ao seu lado. Não tinha nada que eu pudesse fazer".

Guga já conquistou Roland Garros, disputado no saibro, por três vezes, em 1997, 2000 e 2001. Já Federer nunca levou o título. Seu melhor resultado foi as quartas-de-final em 2001. Por estar nas oitavas-de-final de Roland Garros, Guga garantiu 150 pontos no ranking de entradas, em que é o 28º colocado, e outros 30 na Corrida dos Campeões, em que ocupa o 19º lugar.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Guga bate Federer por 3 a 0 em Roland Garros

Do Diário OnLine
Com Agências

29/05/2004 | 16:33


Gustavo Kurten lembrou os velhos tempos e eliminou o suíço Roger Ferderer, primeiro do mundo no ranking de entradas e na Corrida dos Campeões, por 3 sets a 0 (triplo 6/4 em menos de 2 horas) na manhã deste sábado, avançando às oitavas-de-final do Torneio de Roland Garrros, na França.

O tricampeão do Aberto da França vai enfrentar na próxima etapa o jovem espanhol Feliciano López, que venceu o sul-coreano Lee Hiung-Taik nesta tarde por 3 sets a 1, com parciais de 7/6 (7/3), 4/6, 6/0 e 6/3.

Guga já havia enfrentado Federer por duas vezes, vencendo apenas uma, no Masters Series de Indian Wells (EUA), em 2003. O suíço, por sua vez, venceu o brasileiro no Masters de Hamburgo, em 2002. "Fui taticamente perfeito e acho que essa foi a grande diferença. Coloquei na minha cabeça que teria que jogar desta maneira, não deixando ele se sentir a vontade em nenhum momento do jogo e, estive o tempo todo muito concentrado", declarou Guga após o jogo.

"Para mim é um grande prazer voltar e ganhar em Paris. Não esperava poder jogar bem por causa da minha condição física, mas este é um torneio muito especial para mim. Federer me fez jogar no limite de minhas possibilidades, mas era o que tinha de fazer para poder continuar. Roland Garros é meu segundo lar e vencer o número um do mundo aqui é uma façanha... algo que gera um sentimento muito especial", completou o brasileiro.

Federer, resignado com o desempenho do brasileiro, admitiu: "ele esteve muito acima de sua forma atual. Além disso, o público estava por completo ao seu lado. Não tinha nada que eu pudesse fazer".

Guga já conquistou Roland Garros, disputado no saibro, por três vezes, em 1997, 2000 e 2001. Já Federer nunca levou o título. Seu melhor resultado foi as quartas-de-final em 2001. Por estar nas oitavas-de-final de Roland Garros, Guga garantiu 150 pontos no ranking de entradas, em que é o 28º colocado, e outros 30 na Corrida dos Campeões, em que ocupa o 19º lugar.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;