Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 27 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Sem ter a vice de Maninho, PTB se divide em Diadema

Direção municipal quer apoiar Vaguinho, mas cúpula estadual ainda estuda elo com PT


Leandro Baldini
Do Diário do Grande ABC

21/07/2016 | 07:00


A confirmação do PT de Diadema em lançar chapa pura na eleição de outubro dividiu o PTB a poucos dias da convenção partidária. Enquanto o diretório local quer anunciar adesão ao projeto do PRB, encabeçado pelo vereador Vaguinho do Conselho, a cúpula estadual ainda discute elo com o PT, que apostará na dobrada entre Manoel Eduardo Marinho, o Maninho, e Irene dos Santos.

No ano passado, após romper com o governo do prefeito Lauro Michels (PV), o PTB iniciou tratativas para apoiar empreitada petista ao Paço, condicionando o elo à indicação de um nome ao posto de vice. Contudo, a situação foi perdendo força ao longo dos meses, principalmente por falta de um quadro representativo entre os petebistas. Há duas semanas, o diretório do PT bateu martelo em torno de Irene para dobrada com Maninho.

Dirigente do PTB em São Paulo, o deputado estadual Campos Machado criticou a decisão petista, pontuando “traição” política e sinalizou ruptura ao acordo eleitoral. Buscando manter união, Maninho e o ex-prefeito José de Filippi Júnior (PT), coordenador da campanha, abriram novas negociações com interlocutores ligados a Campos. Como condição, os petistas teriam oferecido proposta favorável para o partido conquistar cadeira no Legislativo e preservar coligação proporcional com o PTdoB.

Sem o aval da direção estadual, o diretório petebista em Diadema evitou avançar nas discussões com Vaguinho. A expectativa é a de que haja definição até amanhã, principalmente pelo fato de o PT realizar sua convenção no domingo. (Colaborou Júnior Carvalho) 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;