Fechar
Publicidade

Sábado, 28 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Vídeo de Tião Mateus com prefeito polemiza

Banco de dados Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Vereador petista elogia Morando e vira alvo de representação dentro do PT de S.Bernardo


Raphael Rocha
Do Diário do Grande ABC

15/07/2020 | 00:53


A aparição em vídeo institucional ao lado do prefeito de São Bernardo, Orlando Morando (PSDB), gerou representação contra o vereador Tião Mateus dentro do PT local. Três filiados assinaram carta pedindo que o conselho de ética da legenda investigue a postura política do parlamentar e também o fato de Tião não estar em dia com a contribuição partidária.

No domingo, Morando divulgou vídeo em suas redes sociais anunciando a entrega de 1.306 escrituras para moradores do Jardim Ipanema, na região do Grande Alvarenga. Estava ao lado do vice-prefeito Marcelo Lima (PSD) e de Tião. “Estamos aqui na Rua Rochedo. Eu e o Tião somos de partidos diferentes, mas quando o objetivo é atender à população, estamos juntos. Divergências partidárias ficam de lado para atender à população”, cita Morando, na publicação.

Na sequência, Morando volta-se a Tião e pergunta o que representa para a população do bairro – o petista mora no local – a entrega das escrituras. “Um sonho. A população lhe agradece, agradece ao Marcelo também. Todos nós estamos de parabéns pela conquista.”

A gravação causou rebuliço no petismo e na política local. Montagens que circularam nos grupos de redes sociais expuseram as frases elogiosas de Tião a Morando e lembraram também quando o então prefeito Luiz Marinho (PT), às vésperas de deixar a Prefeitura, em 2016, liberou recursos de desapropriação de um terreno de propriedade da empresa de Morando.

Dentro do PT, os filiados Paulo Araújo, Cristian Amaro Vaz e Nathalia Pereira da Silveira protocolaram, na segunda-feira, representação contra Tião. “Venho por meio deste solicitar a inclusão e avaliação da conduta do vereador Sebastião Mateus (Tião Mateus). Baseado nas orientações do estatuto deste mesmo partido, sabendo que o mesmo viola quatro quesitos de um mesmo artigo (o 227 do estatuto da sigla) quando aparece em vídeo com o atual prefeito desta cidade, Orlando Morando (PSDB), sem uma deliberação partidária. Este mesmo também não tem feito suas devidas contribuições financeiras partidárias.”

O pedido é para que o conselho de ética do petismo analise a postura de Tião. Caso o grupo entenda que o parlamentar, que está em seu quinto mandato na Câmara e até presidiu o Legislativo (2013-2014), tenha infringido as regras partidárias, Tião pode ser expulso.

Presidente do PT local, Cleiton Coutinho disse que, pelo estatuto, o assunto será discutido em reunião da executiva municipal. Se houver entendimento da maioria, a comissão de ética é acionada. “Não vou formar juízo de valor (no caso de Tião). Defendemos o direito das pessoas de ampla defesa, de estabelecer o contraditório. Defendemos isso na sociedade e não vamos fazer isso dentro do nosso partido. Não existe posição sumária.” A reunião da executiva do PT deve acontecer ainda nesta semana, segundo Coutinho.

Tião não retornou aos contatos da equipe do Diário para comentar o assunto.  



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Vídeo de Tião Mateus com prefeito polemiza

Vereador petista elogia Morando e vira alvo de representação dentro do PT de S.Bernardo

Raphael Rocha
Do Diário do Grande ABC

15/07/2020 | 00:53


A aparição em vídeo institucional ao lado do prefeito de São Bernardo, Orlando Morando (PSDB), gerou representação contra o vereador Tião Mateus dentro do PT local. Três filiados assinaram carta pedindo que o conselho de ética da legenda investigue a postura política do parlamentar e também o fato de Tião não estar em dia com a contribuição partidária.

No domingo, Morando divulgou vídeo em suas redes sociais anunciando a entrega de 1.306 escrituras para moradores do Jardim Ipanema, na região do Grande Alvarenga. Estava ao lado do vice-prefeito Marcelo Lima (PSD) e de Tião. “Estamos aqui na Rua Rochedo. Eu e o Tião somos de partidos diferentes, mas quando o objetivo é atender à população, estamos juntos. Divergências partidárias ficam de lado para atender à população”, cita Morando, na publicação.

Na sequência, Morando volta-se a Tião e pergunta o que representa para a população do bairro – o petista mora no local – a entrega das escrituras. “Um sonho. A população lhe agradece, agradece ao Marcelo também. Todos nós estamos de parabéns pela conquista.”

A gravação causou rebuliço no petismo e na política local. Montagens que circularam nos grupos de redes sociais expuseram as frases elogiosas de Tião a Morando e lembraram também quando o então prefeito Luiz Marinho (PT), às vésperas de deixar a Prefeitura, em 2016, liberou recursos de desapropriação de um terreno de propriedade da empresa de Morando.

Dentro do PT, os filiados Paulo Araújo, Cristian Amaro Vaz e Nathalia Pereira da Silveira protocolaram, na segunda-feira, representação contra Tião. “Venho por meio deste solicitar a inclusão e avaliação da conduta do vereador Sebastião Mateus (Tião Mateus). Baseado nas orientações do estatuto deste mesmo partido, sabendo que o mesmo viola quatro quesitos de um mesmo artigo (o 227 do estatuto da sigla) quando aparece em vídeo com o atual prefeito desta cidade, Orlando Morando (PSDB), sem uma deliberação partidária. Este mesmo também não tem feito suas devidas contribuições financeiras partidárias.”

O pedido é para que o conselho de ética do petismo analise a postura de Tião. Caso o grupo entenda que o parlamentar, que está em seu quinto mandato na Câmara e até presidiu o Legislativo (2013-2014), tenha infringido as regras partidárias, Tião pode ser expulso.

Presidente do PT local, Cleiton Coutinho disse que, pelo estatuto, o assunto será discutido em reunião da executiva municipal. Se houver entendimento da maioria, a comissão de ética é acionada. “Não vou formar juízo de valor (no caso de Tião). Defendemos o direito das pessoas de ampla defesa, de estabelecer o contraditório. Defendemos isso na sociedade e não vamos fazer isso dentro do nosso partido. Não existe posição sumária.” A reunião da executiva do PT deve acontecer ainda nesta semana, segundo Coutinho.

Tião não retornou aos contatos da equipe do Diário para comentar o assunto.  

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;