Fechar
Publicidade

Sábado, 24 de Outubro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

"Estamos na fase de platô da pandemia em São Paulo", diz Doria

 Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Governador comemora queda do número casos e mortes no Estado, mas prorroga quarentena até dia 30 de julho


Miriam Gimenes
Do Diário do Grande ABC

10/07/2020 | 12:44


O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), afirma que o Estado alcançou o tão esperado ''''platô'''' da pandemia do novo coronavírus. Isso significa que há uma estabilidade seguida de diminuição dos casos de infectados e mortes ocasionadas pela Covid-19. "Trata-se de uma fase que resgata nossa esperança. Após longo período enfrentando o pico, estamos ingressando no platô. Isso não significa relaxamento, distensão total dos cuidados. Significa atenção redobrada para manter o platô e controle da doença", declarou o tucano em coletiva de imprensa no Palácio dos Bandeirantes, em São Paulo.

Segundo ele, cinco pontos que demonstram que o Estado agiu de forma eficiente durante a pandemia: o número de óbitos teve queda durante duas semanas no Estado (foi a menor letalidade com 4,9% de mortes por casos confirmados); na Capital e na Grande São Paulo a doença vem regredindo nas últimas duas semanas; foram registrados resultados positivos também no Litoral e na Grande São Paulo e, na próxima semana, começará a seleção dos 9 mil voluntários que vão receber a vacina CoronaVac em São Paulo. "São bons sinais que nos permite seguir com a reabertura dos parques estaduais, que são temáticos, urbanos, ambientais e naturais, cada um com seu protocolo e datas específicas de funcionamento", ressaltou o governador.

Mas ressaltou a importância de manter-se em casa, para quem for possível, já que a quarentena foi prorrogada até o dia 30. "Para seguirmos dentro desse processo gradual de melhora é importante que temos consciência que estamos e continuaremos em quarentena. Todos devem se lembrar de que podendo ficar em casa permaneçam em casa", recomendou.

Marco Vinholi, secretário de Desenvolvimento Regional, atualizou os índices de isolamento, que está em 45% em todo Estado, e a evolução do Plano São Paulo de reabertura. "Temos a consolidação da Capital (na Fase Amarela) seguindo com índices importantes, com a pandemia controlada. A Grande São Paulo também está desacelerando a pandemia. Somando isso, a baixada santista e o Vale do Ribeira vindo para fase amarela e o Interior em várias regiões com uma desaceleração importante. Temos hoje 83% das cidades do Estado nas fases amarela e laranja, o que reafirma o sucesso do Plano São Paulo." O Grande ABC teve início efetivo da Fase Amarela na última segunda-feira.

No Brasil são 1.755.779 casos de infectados e 69.184 mortos pelo novo coronavírus. Em são paulo são 359.110 infectados e 17.442 mortes. A taxa de ocupação de UTI na Grande São Paulo é de 63,8%.

CAPITAL
O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), confirmou a reabertura, a partir de segunda-feira, de 70 dos 108 parques da cidade de São Paulo. Eles poderão ser frequentados, durante a semana, das 10 às 16h. Os dois maiores deles, o Ibirapuera e Parque do Carmo, das 6h às 16h. É importante quem frequentá-los levar garrafas de água, já que os bebedouros não estarão funcionando. As academias também poderão voltar a funcionar na cidade a partir de segunda-feira, com 30% da capacidade e horário agendado. 

O Zoológico de São Paulo e o Zoo Safari também reabrem segunda-feira. Os acessos serão controlados, com 50% da capacidade, e terá uso obrigatório de máscaras.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

"Estamos na fase de platô da pandemia em São Paulo", diz Doria

Governador comemora queda do número casos e mortes no Estado, mas prorroga quarentena até dia 30 de julho

Miriam Gimenes
Do Diário do Grande ABC

10/07/2020 | 12:44


O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), afirma que o Estado alcançou o tão esperado ''''platô'''' da pandemia do novo coronavírus. Isso significa que há uma estabilidade seguida de diminuição dos casos de infectados e mortes ocasionadas pela Covid-19. "Trata-se de uma fase que resgata nossa esperança. Após longo período enfrentando o pico, estamos ingressando no platô. Isso não significa relaxamento, distensão total dos cuidados. Significa atenção redobrada para manter o platô e controle da doença", declarou o tucano em coletiva de imprensa no Palácio dos Bandeirantes, em São Paulo.

Segundo ele, cinco pontos que demonstram que o Estado agiu de forma eficiente durante a pandemia: o número de óbitos teve queda durante duas semanas no Estado (foi a menor letalidade com 4,9% de mortes por casos confirmados); na Capital e na Grande São Paulo a doença vem regredindo nas últimas duas semanas; foram registrados resultados positivos também no Litoral e na Grande São Paulo e, na próxima semana, começará a seleção dos 9 mil voluntários que vão receber a vacina CoronaVac em São Paulo. "São bons sinais que nos permite seguir com a reabertura dos parques estaduais, que são temáticos, urbanos, ambientais e naturais, cada um com seu protocolo e datas específicas de funcionamento", ressaltou o governador.

Mas ressaltou a importância de manter-se em casa, para quem for possível, já que a quarentena foi prorrogada até o dia 30. "Para seguirmos dentro desse processo gradual de melhora é importante que temos consciência que estamos e continuaremos em quarentena. Todos devem se lembrar de que podendo ficar em casa permaneçam em casa", recomendou.

Marco Vinholi, secretário de Desenvolvimento Regional, atualizou os índices de isolamento, que está em 45% em todo Estado, e a evolução do Plano São Paulo de reabertura. "Temos a consolidação da Capital (na Fase Amarela) seguindo com índices importantes, com a pandemia controlada. A Grande São Paulo também está desacelerando a pandemia. Somando isso, a baixada santista e o Vale do Ribeira vindo para fase amarela e o Interior em várias regiões com uma desaceleração importante. Temos hoje 83% das cidades do Estado nas fases amarela e laranja, o que reafirma o sucesso do Plano São Paulo." O Grande ABC teve início efetivo da Fase Amarela na última segunda-feira.

No Brasil são 1.755.779 casos de infectados e 69.184 mortos pelo novo coronavírus. Em são paulo são 359.110 infectados e 17.442 mortes. A taxa de ocupação de UTI na Grande São Paulo é de 63,8%.

CAPITAL
O prefeito de São Paulo, Bruno Covas (PSDB), confirmou a reabertura, a partir de segunda-feira, de 70 dos 108 parques da cidade de São Paulo. Eles poderão ser frequentados, durante a semana, das 10 às 16h. Os dois maiores deles, o Ibirapuera e Parque do Carmo, das 6h às 16h. É importante quem frequentá-los levar garrafas de água, já que os bebedouros não estarão funcionando. As academias também poderão voltar a funcionar na cidade a partir de segunda-feira, com 30% da capacidade e horário agendado. 

O Zoológico de São Paulo e o Zoo Safari também reabrem segunda-feira. Os acessos serão controlados, com 50% da capacidade, e terá uso obrigatório de máscaras.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;