Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 14 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Mexicano é baleado ao tentar entrar nos EUA pela fronteira


Do Diário do Grande ABC

14/12/1999 | 12:43


O mexicano Julio César García Suárez foi ferido a bala, na noite de segunda-feira, quando tentava cruzar a fronteira para os Estados Unidos, informou a polícia.

Julio César, 26 anos, procedente da cidade de Orbregón, estava com outros dez mexicanos que tentavam atravessar a fronteira ilegalmente, segundo Carol Capas, porta-voz do departamento de polícia do condado de Cochise.

Quando o grupo era registrado para ser deportado, os policiais perceberam que Julio César estava com um ferimento no rosto. Ele foi levado de ambulância para um hospital local e depois de helicóptero para outro hospital, em Tucson. Capas nao soube informar sobre o estado de saúde do mexicano.

O grupo, segundo a policial, ao que parece foi perseguido por homens armados que ordenaram que nao cruzasse a fronteira. Como os mexicanos nao respeitaram a ordem, um dos homens armados começou a disparar.

A Patrulha da Fronteira dos Estados Unidos disse que está aumentando o número de nao mexicanos que tentam entrar ilegalmente no país. Na manha desta segunda, agentes da Patrulha viram um homem vestido com uniforme de camuflagem entre as cidades de Tucson e Naco. Quando se aproximaram, viram que perto havia outro mexicano e seis chineses, contou o porta-voz da Patrulha da Fronteira Rob Daniels. No domingo, um grupo de 13 imigrantes ilegais foi descoberto caminhando por Naco. Quatro deles eram búlgaros, de acordo com Daniels.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Mexicano é baleado ao tentar entrar nos EUA pela fronteira

Do Diário do Grande ABC

14/12/1999 | 12:43


O mexicano Julio César García Suárez foi ferido a bala, na noite de segunda-feira, quando tentava cruzar a fronteira para os Estados Unidos, informou a polícia.

Julio César, 26 anos, procedente da cidade de Orbregón, estava com outros dez mexicanos que tentavam atravessar a fronteira ilegalmente, segundo Carol Capas, porta-voz do departamento de polícia do condado de Cochise.

Quando o grupo era registrado para ser deportado, os policiais perceberam que Julio César estava com um ferimento no rosto. Ele foi levado de ambulância para um hospital local e depois de helicóptero para outro hospital, em Tucson. Capas nao soube informar sobre o estado de saúde do mexicano.

O grupo, segundo a policial, ao que parece foi perseguido por homens armados que ordenaram que nao cruzasse a fronteira. Como os mexicanos nao respeitaram a ordem, um dos homens armados começou a disparar.

A Patrulha da Fronteira dos Estados Unidos disse que está aumentando o número de nao mexicanos que tentam entrar ilegalmente no país. Na manha desta segunda, agentes da Patrulha viram um homem vestido com uniforme de camuflagem entre as cidades de Tucson e Naco. Quando se aproximaram, viram que perto havia outro mexicano e seis chineses, contou o porta-voz da Patrulha da Fronteira Rob Daniels. No domingo, um grupo de 13 imigrantes ilegais foi descoberto caminhando por Naco. Quatro deles eram búlgaros, de acordo com Daniels.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;