Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 6 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Ministro oficializa o estádio de atletismo em São Bernardo


Nelson Cilo
Do Diário do Grande ABC

08/08/2010 | 07:08


O ministro dos Esportes Orlando Silva oficializou ontem o início das obras do Estádio de Atletismo Osvaldo Terra, em São Bernardo, que prevê investimentos de aproximadamente R$ 21,5 milhões até agosto do próximo ano. O repasse do Governo Federal pode chegar a pouco mais de R$ 20 milhões. Já o prefeito Luiz Marinho (PT), que subiu ao palco instalado no meio do gramado para se dirigir a uma platéia basicamente do universo esportivo, não citou números. No entanto, o município deve liberar cerca de R$ 1,1 milhão para complementar o pacote de recursos.

Depois de receber a placa entregue pelos atletas Bruno Tápias e Poliana Okimoto, Orlando Silva discursou rapidamente. Afinal, ele precisou sair depressa para não perder o voo que o levaria aos compromissos do Rio de Janeiro.

"São Bernardo é uma das referências... Um dos bons exemplos na área... Mas acredito que a conclusão da nova pista contribuirá e muito para elevar o status atual de quem tem tudo para nos ajudar a transformar este País em uma potência olímpica", disse o ministro.

A exemplo de Orlando Silva, o prefeito Luz Marinho e o secretário José Luz Ferrar-se (Esporte) também deram ênfase aos centros de desenvolvimento de handebol e de ginástica artística, que ainda serão construidos naquelas dependências, além do centro de canoagem na Represa Billings.

"Queremos aproveitar os espaços (no Clube da Volks) para criar a necessária estrutura destinada ao ensino que possa beneficiar crianças de até 10 anos", declarou Marinho, ao lembrar que as propostas não visualizam apenas o desenvolvimento do esporte de alto rendimento no futuro.

Centro esportivo segue normas da IAAF e fica pronto em um ano

É como se o ministro Orlando Silva colocasse ontem a tocha nas mãos do prefeito Luiz Marinho (PT) e do secretário de Esportes de São Bernardo, José Luiz Ferrarezi, que devem iniciar a corrida já amanhã para concluir os trabalhos no prazo máximo de um ano.

A construtora projeta nove meses, segundo Ferrarezi, atento aos detalhes do projeto que pretende ampliar a presença da cidade como anfitriã de importantes competições de atletismo. Tudo isso, conta, dentro dos exigentes padrões da IAAF (Federação Internacional de Atletismo).



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Ministro oficializa o estádio de atletismo em São Bernardo

Nelson Cilo
Do Diário do Grande ABC

08/08/2010 | 07:08


O ministro dos Esportes Orlando Silva oficializou ontem o início das obras do Estádio de Atletismo Osvaldo Terra, em São Bernardo, que prevê investimentos de aproximadamente R$ 21,5 milhões até agosto do próximo ano. O repasse do Governo Federal pode chegar a pouco mais de R$ 20 milhões. Já o prefeito Luiz Marinho (PT), que subiu ao palco instalado no meio do gramado para se dirigir a uma platéia basicamente do universo esportivo, não citou números. No entanto, o município deve liberar cerca de R$ 1,1 milhão para complementar o pacote de recursos.

Depois de receber a placa entregue pelos atletas Bruno Tápias e Poliana Okimoto, Orlando Silva discursou rapidamente. Afinal, ele precisou sair depressa para não perder o voo que o levaria aos compromissos do Rio de Janeiro.

"São Bernardo é uma das referências... Um dos bons exemplos na área... Mas acredito que a conclusão da nova pista contribuirá e muito para elevar o status atual de quem tem tudo para nos ajudar a transformar este País em uma potência olímpica", disse o ministro.

A exemplo de Orlando Silva, o prefeito Luz Marinho e o secretário José Luz Ferrar-se (Esporte) também deram ênfase aos centros de desenvolvimento de handebol e de ginástica artística, que ainda serão construidos naquelas dependências, além do centro de canoagem na Represa Billings.

"Queremos aproveitar os espaços (no Clube da Volks) para criar a necessária estrutura destinada ao ensino que possa beneficiar crianças de até 10 anos", declarou Marinho, ao lembrar que as propostas não visualizam apenas o desenvolvimento do esporte de alto rendimento no futuro.

Centro esportivo segue normas da IAAF e fica pronto em um ano

É como se o ministro Orlando Silva colocasse ontem a tocha nas mãos do prefeito Luiz Marinho (PT) e do secretário de Esportes de São Bernardo, José Luiz Ferrarezi, que devem iniciar a corrida já amanhã para concluir os trabalhos no prazo máximo de um ano.

A construtora projeta nove meses, segundo Ferrarezi, atento aos detalhes do projeto que pretende ampliar a presença da cidade como anfitriã de importantes competições de atletismo. Tudo isso, conta, dentro dos exigentes padrões da IAAF (Federação Internacional de Atletismo).

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;