Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 7 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Operação apreende animais e plantas que iriam para o exterior



14/12/2007 | 07:26


A Operação Arca de Noé, do Ibama (Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e Recursos Renováveis) retirou quinta-feira mais de 4.500 animais e plantas dos Correios, que foram apreendidos neste semestre. Eles seriam enviados irregularmente para o Exterior ou chegaram ao País em pacotes disfarçados.

O lote inclui cerca de 300 espécimes de orquídeas que iriam para a Alemanha. Além de o transporte e comercialização de flora e fauna sem autorização constituir crime ambiental, a orquídea é uma espécie ameaçada de extinção.

As operações para coibir o chamado tráfico postal começaram no ano passado e apreenderam 7.000 animais vivos ou mortos. O balanço total deste ano ainda será divulgado. A identificação dos produtos é feita nos Correios por meio de aparelhos de raio X, antes usados apenas para procurar armas e drogas.

Além das orquídeas, foram encontradas mais de 3.600 conchas de moluscos, 576 artrópodes – entre eles escorpiões, borboletas, formigas e besouros (todos mortos) – e duas peles de raposa, que vinham da China para o Brasil.


Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Operação apreende animais e plantas que iriam para o exterior


14/12/2007 | 07:26


A Operação Arca de Noé, do Ibama (Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e Recursos Renováveis) retirou quinta-feira mais de 4.500 animais e plantas dos Correios, que foram apreendidos neste semestre. Eles seriam enviados irregularmente para o Exterior ou chegaram ao País em pacotes disfarçados.

O lote inclui cerca de 300 espécimes de orquídeas que iriam para a Alemanha. Além de o transporte e comercialização de flora e fauna sem autorização constituir crime ambiental, a orquídea é uma espécie ameaçada de extinção.

As operações para coibir o chamado tráfico postal começaram no ano passado e apreenderam 7.000 animais vivos ou mortos. O balanço total deste ano ainda será divulgado. A identificação dos produtos é feita nos Correios por meio de aparelhos de raio X, antes usados apenas para procurar armas e drogas.

Além das orquídeas, foram encontradas mais de 3.600 conchas de moluscos, 576 artrópodes – entre eles escorpiões, borboletas, formigas e besouros (todos mortos) – e duas peles de raposa, que vinham da China para o Brasil.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;