Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 10 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Dia Internacional ou Municipal da Água?


Ricardo Dutra

10/03/2011 | 07:03


Dia 22 de março é o Dia Internacional da Água, criado pela ONU (Organização das Nações Unidas) com o objetivo da conscientização sobre a importância da água para a vida.

Então, convido você a refletir sobre este elemento da natureza, ou melhor, sobre esta data!

Nesta época todos aproveitam para relembrar que a Terra é formada por aproximadamente 70% de água e que a maior parte dela é salgada e imprópria para consumo. A água doce, apenas 2,5% do total, está em lençóis subterrâneos ou congelada nos polos, e apenas 0,007% está em rios e lagos, disponível para nosso consumo.

Convenhamos que ainda assim é muita água! Digo isso, pois neste País somos muito bem servidos deste recurso. Então, pergunto: por que devemos nos conscientizar sobre a importância da água?

Em primeiro lugar, devemos saber que além de habitarmos o planeta Terra, somos habitantes da nossa residência, frequentadores do nosso trabalho, escola, bairro e município.

É nesse universo que nossas atitudes fazem toda diferença. Muito mais do que uma ação ecológica, estamos falando de uma atitude social, que contribui para o bom saneamento básico do município.

Hoje, quando falamos em sustentabilidade, falamos também em disponibilizar água e esgoto a toda população. Ao usar a água de forma racional, conseguiremos os seguintes benefícios:

Maior oferta, para atender a um número maior de pessoas;

Redução dos investimentos na captação em mananciais;

Diminuição dos investimentos para atender às demandas em dias e horários de pico;

Maior oferta para áreas deficientes de abastecimento;

Diminuição do volume de esgotos a serem coletados e tratados, e consequentemente, redução dos custos do tratamento de esgoto;

Diminuição do consumo de energia elétrica e,

Garantia do fornecimento ininterrupto ao usuário.

Considerando tudo isso, arrisco-me a dizer que, talvez, o certo seria chamarmos este de Dia Municipal da Água.

Logo, se ‘nada se perde, tudo se transforma' (Lavoisier), a importância é sabermos a real possibilidade de transformarmos os gastos desnecessários em benefícios diretos, sem perda de conforto e com ganhos reais. Sem falar que garantiremos a água de cada dia.

Afinal de contas nem só de pão vive o homem ...

Pense nisso!

Ricardo Dutra é engenheiro.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Dia Internacional ou Municipal da Água?

Ricardo Dutra

10/03/2011 | 07:03


Dia 22 de março é o Dia Internacional da Água, criado pela ONU (Organização das Nações Unidas) com o objetivo da conscientização sobre a importância da água para a vida.

Então, convido você a refletir sobre este elemento da natureza, ou melhor, sobre esta data!

Nesta época todos aproveitam para relembrar que a Terra é formada por aproximadamente 70% de água e que a maior parte dela é salgada e imprópria para consumo. A água doce, apenas 2,5% do total, está em lençóis subterrâneos ou congelada nos polos, e apenas 0,007% está em rios e lagos, disponível para nosso consumo.

Convenhamos que ainda assim é muita água! Digo isso, pois neste País somos muito bem servidos deste recurso. Então, pergunto: por que devemos nos conscientizar sobre a importância da água?

Em primeiro lugar, devemos saber que além de habitarmos o planeta Terra, somos habitantes da nossa residência, frequentadores do nosso trabalho, escola, bairro e município.

É nesse universo que nossas atitudes fazem toda diferença. Muito mais do que uma ação ecológica, estamos falando de uma atitude social, que contribui para o bom saneamento básico do município.

Hoje, quando falamos em sustentabilidade, falamos também em disponibilizar água e esgoto a toda população. Ao usar a água de forma racional, conseguiremos os seguintes benefícios:

Maior oferta, para atender a um número maior de pessoas;

Redução dos investimentos na captação em mananciais;

Diminuição dos investimentos para atender às demandas em dias e horários de pico;

Maior oferta para áreas deficientes de abastecimento;

Diminuição do volume de esgotos a serem coletados e tratados, e consequentemente, redução dos custos do tratamento de esgoto;

Diminuição do consumo de energia elétrica e,

Garantia do fornecimento ininterrupto ao usuário.

Considerando tudo isso, arrisco-me a dizer que, talvez, o certo seria chamarmos este de Dia Municipal da Água.

Logo, se ‘nada se perde, tudo se transforma' (Lavoisier), a importância é sabermos a real possibilidade de transformarmos os gastos desnecessários em benefícios diretos, sem perda de conforto e com ganhos reais. Sem falar que garantiremos a água de cada dia.

Afinal de contas nem só de pão vive o homem ...

Pense nisso!

Ricardo Dutra é engenheiro.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;