Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 15 de Abril

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Cruzeiro empata nos acréscimos e evita vexame na estreia pelo Campeonato Mineiro



27/02/2021 | 19:06


Na estreia do técnico Felipe Conceição no comando do Cruzeiro, o sofrido empate nos acréscimos com o Uberlândia por 1 a 1, no estádio Parque do Sabiá, em Uberlândia (MG), na primeira rodada do Campeonato Mineiro, deixa claro que ainda serão necessários muitos ajustes para fazer o time de Belo Horizonte voltar à boa fase.

Apesar de um primeiro tempo razoável, com criação de chances para ambos os lados, quem saiu na frente foi o Uberlândia, que marcou aos 25 minutos do primeiro tempo. Durante grande parte da partida, a equipe do interior de Minas Gerais buscou administrar o resultado e conseguiu, mas sofreu o empate nos acréscimos da segunda etapa.

O Cruzeiro iniciou o jogo com boas oportunidades. O Uberlândia, por sua vez, estava decidido a não se intimidar pelo time da capital e buscou trazer perigo desde os primeiros minutos. Reis, aos 2 minutos, já trouxe um susto para o goleiro Fábio ao receber cruzamento de Everton e chutar por cima do gol. A reação cruzeirense veio logo a seguir, com Felipe Augusto partindo com velocidade para dentro da área e, em um chute cruzado, mandar a bola para perto da trave de Marcão, aos seis. A equipe da capital mineira continuou a ofensiva e Marcinho quase abriu o placar no minuto seguinte.

O Cruzeiro parecia ter desempenho superior ao Uberlândia e continuava com mais domínio da partida, com criação de chances, mas sem acertar no gol. Em uma dessas oportunidades, Everton soube aproveitar o passe na direita, vindo de contra-ataque e enviou direto a Reis, que bateu mal na bola, mas foi o suficiente para superar um Fábio mal posicionado e abrir o placar da partida, aos 25 minutos. Em desvantagem, o time visitante buscou reagir e tentou uma jogada perigosa com William Pottker, que cabeceou por cima do gol.

Aos 35 minutos, Marcinho novamente arriscou e a bola passou muito perto, balançando a rede pelo lado de fora. No minuto seguinte, a ofensiva continuava com Felipe Augusto, que, com um chute de fora da área, deu um susto em Marcão ao mandar a bola perto da trave esquerda. O último lance de perigo do primeiro tempo veio com cobrança de falta por Rafael Sóbis, que, após passar por todos que estavam na área, saiu pela linha de fundo.

No segundo tempo, a ordem era igualar ou superar o Uberlândia, com um Cruzeiro mais afinado e focado. Com esse propósito, Matheus Barbosa arriscou aos quatro minutos, acertando a trave de Marcão. A próxima grande chance da equipe de Belo Horizonte veio novamente com Marcinho, que, ao cobrar falta, mandou direto para o gol, exigindo de Marcão uma bela defesa para salvar os mandantes do empate. O goleiro precisou de esforço novamente em lance aos 29 minutos, quando Matheus Pereira aproveitou o rebote e bateu forte no canto direito e quase deixando tudo igual.

Aos 36 minutos, o Cruzeiro contava com 22 finalizações e ainda estava na briga para não passar vexame na estreia pelo Campeonato Mineiro. A oportunidade apareceu aos 39 minutos, mas Rafael Sóbis não aproveitou, batendo fraco e não dando nenhum trabalho para Marcão defender. A equipe comandada por Felipe Conceição, no entanto, ainda seguia determinada e quase chegou ao empate com William Pottker, que cabeceou direto na trave esquerda.

O gol do empate, porém, sairia com Raúl Cáceres, que, após receber belo passe de Sóbis, soube bater forte e certeiro no canto direito do gol, balançando as redes e empatando com o Uberlândia, nos acréscimos. O lateral-direito paraguaio quase conseguiu trazer a vitória, ao cabecear aos 50 minutos no mesmo canto que fez o gol, mas não marcou.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Cruzeiro empata nos acréscimos e evita vexame na estreia pelo Campeonato Mineiro


27/02/2021 | 19:06


Na estreia do técnico Felipe Conceição no comando do Cruzeiro, o sofrido empate nos acréscimos com o Uberlândia por 1 a 1, no estádio Parque do Sabiá, em Uberlândia (MG), na primeira rodada do Campeonato Mineiro, deixa claro que ainda serão necessários muitos ajustes para fazer o time de Belo Horizonte voltar à boa fase.

Apesar de um primeiro tempo razoável, com criação de chances para ambos os lados, quem saiu na frente foi o Uberlândia, que marcou aos 25 minutos do primeiro tempo. Durante grande parte da partida, a equipe do interior de Minas Gerais buscou administrar o resultado e conseguiu, mas sofreu o empate nos acréscimos da segunda etapa.

O Cruzeiro iniciou o jogo com boas oportunidades. O Uberlândia, por sua vez, estava decidido a não se intimidar pelo time da capital e buscou trazer perigo desde os primeiros minutos. Reis, aos 2 minutos, já trouxe um susto para o goleiro Fábio ao receber cruzamento de Everton e chutar por cima do gol. A reação cruzeirense veio logo a seguir, com Felipe Augusto partindo com velocidade para dentro da área e, em um chute cruzado, mandar a bola para perto da trave de Marcão, aos seis. A equipe da capital mineira continuou a ofensiva e Marcinho quase abriu o placar no minuto seguinte.

O Cruzeiro parecia ter desempenho superior ao Uberlândia e continuava com mais domínio da partida, com criação de chances, mas sem acertar no gol. Em uma dessas oportunidades, Everton soube aproveitar o passe na direita, vindo de contra-ataque e enviou direto a Reis, que bateu mal na bola, mas foi o suficiente para superar um Fábio mal posicionado e abrir o placar da partida, aos 25 minutos. Em desvantagem, o time visitante buscou reagir e tentou uma jogada perigosa com William Pottker, que cabeceou por cima do gol.

Aos 35 minutos, Marcinho novamente arriscou e a bola passou muito perto, balançando a rede pelo lado de fora. No minuto seguinte, a ofensiva continuava com Felipe Augusto, que, com um chute de fora da área, deu um susto em Marcão ao mandar a bola perto da trave esquerda. O último lance de perigo do primeiro tempo veio com cobrança de falta por Rafael Sóbis, que, após passar por todos que estavam na área, saiu pela linha de fundo.

No segundo tempo, a ordem era igualar ou superar o Uberlândia, com um Cruzeiro mais afinado e focado. Com esse propósito, Matheus Barbosa arriscou aos quatro minutos, acertando a trave de Marcão. A próxima grande chance da equipe de Belo Horizonte veio novamente com Marcinho, que, ao cobrar falta, mandou direto para o gol, exigindo de Marcão uma bela defesa para salvar os mandantes do empate. O goleiro precisou de esforço novamente em lance aos 29 minutos, quando Matheus Pereira aproveitou o rebote e bateu forte no canto direito e quase deixando tudo igual.

Aos 36 minutos, o Cruzeiro contava com 22 finalizações e ainda estava na briga para não passar vexame na estreia pelo Campeonato Mineiro. A oportunidade apareceu aos 39 minutos, mas Rafael Sóbis não aproveitou, batendo fraco e não dando nenhum trabalho para Marcão defender. A equipe comandada por Felipe Conceição, no entanto, ainda seguia determinada e quase chegou ao empate com William Pottker, que cabeceou direto na trave esquerda.

O gol do empate, porém, sairia com Raúl Cáceres, que, após receber belo passe de Sóbis, soube bater forte e certeiro no canto direito do gol, balançando as redes e empatando com o Uberlândia, nos acréscimos. O lateral-direito paraguaio quase conseguiu trazer a vitória, ao cabecear aos 50 minutos no mesmo canto que fez o gol, mas não marcou.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;