Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 28 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Santo André torce para que Azulão não passe de um empate nesta 6ª


Analy Cristofani
Do Diário do Grande ABC

06/07/2007 | 07:01


O Santo André está na torcida para que o São Caetano não passe de um empate nesta sexta-feira à noite, em Campinas, diante da Ponte Preta. Isso porque com apenas um ponto conquistado, o Azulão ficaria com os mesmos 13 pontos do Santo André, mas uma posição atrás, com uma vitória a menos (quatro contra três). Tudo isso para que os dois entrem no clássico de terça-feira em condições iguais.

“Acho que um empatezinho tá bom amanhã (nesta sexta-feira). Se eles entrarem no clássico com uma vitória, vamos ter de correr atrás (o São Caetano passaria o Ramalhão na tabela). A Ponte está na nossa frente de todo jeito”, disse o técnico Sérgio Soares, que passará a partida do adversário na concentração, na terça-feira.

O volante Ramalho é da mesma opinião. Ninguém quer ver o São Caetano ultrapassar o Santo André e deslanchar na competição. Apesar disso, o jogador garante que não fica pensando nos resultados dos outros times, e concentra-se, principalmente, na campanha do Ramalhão neste Brasileiro da Série B.

“Não gosto muito de torcer para os outros times, mas claro que o empate é o ideal para nós, principalmente porque a Ponte Preta não vai ficar tão distante de nós”, imagina. A equipe de Campinas tem 14 pontos e dispararia com uma vitória diante do Azulão.

O certo é que o elenco do Santo André está trabalhando forte para o clássico regional e aproveita o intervalo de uma semana para fazer sua preparação de forma ainda mais adequada, recuperando os atletas para que entrem com 100% de condição de jogo e trabalhando para consertar os erros cometidos neste início de competição.

“Sei bem o que é disputar um clássico. Participei de Vitória e Bahia, São Paulo e Corinthians, São Paulo e Palmeiras. Mas sei também que a gente só consegue ganhar o jogo dentro de campo, não adianta falar de torcida, de pontos na tabela. É claro que queremos o apoio do nosso torcedor, mas para saírmos com o resultado positivo, temos de ganhar com a bola rolando”, afirmou Ramalho, capitão do time do Grande ABC.

O técnico Sérgio Soares não dá folga para o grupo. Quinta-feira, o elenco treinou em dois períodos e repete a dose nesta sexta-feira, em Mauá.

A confiança do grupo é total, depois de duas vitórias consecutivas em casa, por placar elástico (3 a 0 em cada uma delas).

A equipe, que em princípio acreditava poder contar com a estréia de Marcelinho Carioca, terá confirmado o retorno do volante Fernando, que cumpriu suspensão automática diante do Ituano e agora está à disposição do treinador para comandar o meio-campo do Ramalhão.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Santo André torce para que Azulão não passe de um empate nesta 6ª

Analy Cristofani
Do Diário do Grande ABC

06/07/2007 | 07:01


O Santo André está na torcida para que o São Caetano não passe de um empate nesta sexta-feira à noite, em Campinas, diante da Ponte Preta. Isso porque com apenas um ponto conquistado, o Azulão ficaria com os mesmos 13 pontos do Santo André, mas uma posição atrás, com uma vitória a menos (quatro contra três). Tudo isso para que os dois entrem no clássico de terça-feira em condições iguais.

“Acho que um empatezinho tá bom amanhã (nesta sexta-feira). Se eles entrarem no clássico com uma vitória, vamos ter de correr atrás (o São Caetano passaria o Ramalhão na tabela). A Ponte está na nossa frente de todo jeito”, disse o técnico Sérgio Soares, que passará a partida do adversário na concentração, na terça-feira.

O volante Ramalho é da mesma opinião. Ninguém quer ver o São Caetano ultrapassar o Santo André e deslanchar na competição. Apesar disso, o jogador garante que não fica pensando nos resultados dos outros times, e concentra-se, principalmente, na campanha do Ramalhão neste Brasileiro da Série B.

“Não gosto muito de torcer para os outros times, mas claro que o empate é o ideal para nós, principalmente porque a Ponte Preta não vai ficar tão distante de nós”, imagina. A equipe de Campinas tem 14 pontos e dispararia com uma vitória diante do Azulão.

O certo é que o elenco do Santo André está trabalhando forte para o clássico regional e aproveita o intervalo de uma semana para fazer sua preparação de forma ainda mais adequada, recuperando os atletas para que entrem com 100% de condição de jogo e trabalhando para consertar os erros cometidos neste início de competição.

“Sei bem o que é disputar um clássico. Participei de Vitória e Bahia, São Paulo e Corinthians, São Paulo e Palmeiras. Mas sei também que a gente só consegue ganhar o jogo dentro de campo, não adianta falar de torcida, de pontos na tabela. É claro que queremos o apoio do nosso torcedor, mas para saírmos com o resultado positivo, temos de ganhar com a bola rolando”, afirmou Ramalho, capitão do time do Grande ABC.

O técnico Sérgio Soares não dá folga para o grupo. Quinta-feira, o elenco treinou em dois períodos e repete a dose nesta sexta-feira, em Mauá.

A confiança do grupo é total, depois de duas vitórias consecutivas em casa, por placar elástico (3 a 0 em cada uma delas).

A equipe, que em princípio acreditava poder contar com a estréia de Marcelinho Carioca, terá confirmado o retorno do volante Fernando, que cumpriu suspensão automática diante do Ituano e agora está à disposição do treinador para comandar o meio-campo do Ramalhão.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;