Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 7 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Convenção democrata vai apresentar oficialmente Kerry e Edwards


Da AFP

25/07/2004 | 18:26


A convenção do Partido Democrata, que terá início nesta segunda-feira, em Boston, nos Estados Unidos, reunirá mais de 35 mil delegados, convidados e jornalistas durante quatro dias e contará com um severo esquema de segurança, na maior reunião política no país desde os ataques terroristas do dia 11 de setembro de 2001.

Pelo menos 3 mil agentes de segurança locais e federais vão patrulhar a cidade de Boston, após informações de que a rede terrorista Al Qaeda poderia tentar interferir nas eleições presidenciais americanas do dia 2 de novembro deste ano.

A convenção, que os partidos organizam a cada quatro anos para designar oficialmente seu candidato à presidência e seu companheiro de chapa, não apresentará surpresas porque a chapa John Kerry-John Edwards já é conhecida.

No entanto, a missão desses quatro dias e noites de festa e política - cujo custo é estimado em US$ 100 milhões - será apresentar aos americanos o melhor de Kerry, senador por Massachusetts e veterano da guerra do Vietnã.

Os democratas também esperam que Kerry, 60 anos, aproveite o talento de comunicador de Edwards, 51 anos, para superar declarações como a proferida pela revista britânica The Economist, que o acusou de ser "o equivalente político do Valium".

A convenção democrata tem como lema ‘Mais fortes em casa e respeitados no exterior’, e terminará na próxima quinta-feira com a designação formal de Kerry por seus 4,352 mil delegados.

"No final dessa convenção, o povo americano saberá que o senador John Kerry é um líder no qual se pode confiar", afirmou na última semana o governador do Novo México, Bill Richardson, que presidirá a convenção.

Entre os dias 26 e 29 de junho, todos os holofotes estarão sobre os oradores, premiados com um lugar de honra na programação televisiva. Porém, neste ano, as redes de televisão prometeram apenas três horas de transmissão ao vivo no horário de maior audiência para as convenções dos dois partidos, um déficit que os democratas pensam paliar com a cobertura do evento por redes de TV a cabo e com a Internet.

Entre os principais oradores, estarão os ex-presidentes Bill Clinton e Jimmy Carter, Teresa Heinz - a milionária esposa de Kerry -, os filhos do candidato, seus companheiros no Vietnã e seus colegas no Senado, como o senador Ted Kennedy. Estão previstas várias piadas sobre a vida de Kerry, sua coragem e experiência em matéria de segurança e política externa.

Os democratas chegarão a Boston com todo gás por terem recolhido nos últimos meses mais dinheiro para a campanha eleitoral do que os republicanos.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Convenção democrata vai apresentar oficialmente Kerry e Edwards

Da AFP

25/07/2004 | 18:26


A convenção do Partido Democrata, que terá início nesta segunda-feira, em Boston, nos Estados Unidos, reunirá mais de 35 mil delegados, convidados e jornalistas durante quatro dias e contará com um severo esquema de segurança, na maior reunião política no país desde os ataques terroristas do dia 11 de setembro de 2001.

Pelo menos 3 mil agentes de segurança locais e federais vão patrulhar a cidade de Boston, após informações de que a rede terrorista Al Qaeda poderia tentar interferir nas eleições presidenciais americanas do dia 2 de novembro deste ano.

A convenção, que os partidos organizam a cada quatro anos para designar oficialmente seu candidato à presidência e seu companheiro de chapa, não apresentará surpresas porque a chapa John Kerry-John Edwards já é conhecida.

No entanto, a missão desses quatro dias e noites de festa e política - cujo custo é estimado em US$ 100 milhões - será apresentar aos americanos o melhor de Kerry, senador por Massachusetts e veterano da guerra do Vietnã.

Os democratas também esperam que Kerry, 60 anos, aproveite o talento de comunicador de Edwards, 51 anos, para superar declarações como a proferida pela revista britânica The Economist, que o acusou de ser "o equivalente político do Valium".

A convenção democrata tem como lema ‘Mais fortes em casa e respeitados no exterior’, e terminará na próxima quinta-feira com a designação formal de Kerry por seus 4,352 mil delegados.

"No final dessa convenção, o povo americano saberá que o senador John Kerry é um líder no qual se pode confiar", afirmou na última semana o governador do Novo México, Bill Richardson, que presidirá a convenção.

Entre os dias 26 e 29 de junho, todos os holofotes estarão sobre os oradores, premiados com um lugar de honra na programação televisiva. Porém, neste ano, as redes de televisão prometeram apenas três horas de transmissão ao vivo no horário de maior audiência para as convenções dos dois partidos, um déficit que os democratas pensam paliar com a cobertura do evento por redes de TV a cabo e com a Internet.

Entre os principais oradores, estarão os ex-presidentes Bill Clinton e Jimmy Carter, Teresa Heinz - a milionária esposa de Kerry -, os filhos do candidato, seus companheiros no Vietnã e seus colegas no Senado, como o senador Ted Kennedy. Estão previstas várias piadas sobre a vida de Kerry, sua coragem e experiência em matéria de segurança e política externa.

Os democratas chegarão a Boston com todo gás por terem recolhido nos últimos meses mais dinheiro para a campanha eleitoral do que os republicanos.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;