Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 29 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Motorista invade canteiro e atinge morador de rua



28/07/2011 | 06:50


Por volta da 1h, ao volante de um Ford EcoSport preto, pela pista sentido Ibirapuera da Avenida Brigadeiro Faria Lima, o advogado T.A.R., de 30 anos, invadiu o canteiro central e atingiu uma cabana sob a qual um morador de rua dormia, próximo à esquina com a Rua Aspásia, região do Itaim Bibi, zona sul de São Paulo.

Enrolado em um colchão e protegido também pela cabana, feita com materiais diversos, Valdenor Alves dos Santos saiu ileso, mas o susto foi grande. O vigia Adroaldo Sampaio, que trabalha numa agência bancária próxima, foi o primeiro a chegar no local e teria notado no motorista odor de álcool e uma certa dificuldade em sair do carro.

Policiais militares foram acionados, mas o advogado se recusou a fazer o teste do bafômetro, obrigando o delegado do 15º Distrito Policial, do Itaim Bibi, a encaminhá-lo para o IML, onde será feito exame de dosagem alcoólica, cujo resultado não foi informado ainda pela polícia.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Motorista invade canteiro e atinge morador de rua


28/07/2011 | 06:50


Por volta da 1h, ao volante de um Ford EcoSport preto, pela pista sentido Ibirapuera da Avenida Brigadeiro Faria Lima, o advogado T.A.R., de 30 anos, invadiu o canteiro central e atingiu uma cabana sob a qual um morador de rua dormia, próximo à esquina com a Rua Aspásia, região do Itaim Bibi, zona sul de São Paulo.

Enrolado em um colchão e protegido também pela cabana, feita com materiais diversos, Valdenor Alves dos Santos saiu ileso, mas o susto foi grande. O vigia Adroaldo Sampaio, que trabalha numa agência bancária próxima, foi o primeiro a chegar no local e teria notado no motorista odor de álcool e uma certa dificuldade em sair do carro.

Policiais militares foram acionados, mas o advogado se recusou a fazer o teste do bafômetro, obrigando o delegado do 15º Distrito Policial, do Itaim Bibi, a encaminhá-lo para o IML, onde será feito exame de dosagem alcoólica, cujo resultado não foi informado ainda pela polícia.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;