Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 17 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Naufrágio na China deixa 14 mortos e 40 desaparecidos


Do Diário do Grande ABC

16/06/2000 | 11:51


Um navio que transportava 70 passageiros, 30 a mais do que o permitido para sua capacidade, naufragou no rio Yangtze, perto da província de Yangkou na China, e cerca de 40 pessoas ainda estao desaparecidas, informou, nesta sexta-feira, as autoridades locais.

A embarcaçao se dirigia a um mercado local a apenas 20 km de distância. Vinte pessoas conseguiram chegar na margem de Yangkou com a ajuda dos moradores do local. Quatorze corpos já foram resgatados.

Segundo fontes oficiais, citadas pela imprensa local, o excesso de passageiros e as más condiçoes do barco provocaram o acidente. O comandante, Xiao Shengmei, nao possuía licença e experiência, segundo o jornal "China Daily".

Este é um dos vários acidentes ocorridos entre rios e lagos nas últimas semanas na China, nas províncias de Sichuan, Gansu, Chongqing e Guangdong.

As informaçoes sao da agência EFE.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Naufrágio na China deixa 14 mortos e 40 desaparecidos

Do Diário do Grande ABC

16/06/2000 | 11:51


Um navio que transportava 70 passageiros, 30 a mais do que o permitido para sua capacidade, naufragou no rio Yangtze, perto da província de Yangkou na China, e cerca de 40 pessoas ainda estao desaparecidas, informou, nesta sexta-feira, as autoridades locais.

A embarcaçao se dirigia a um mercado local a apenas 20 km de distância. Vinte pessoas conseguiram chegar na margem de Yangkou com a ajuda dos moradores do local. Quatorze corpos já foram resgatados.

Segundo fontes oficiais, citadas pela imprensa local, o excesso de passageiros e as más condiçoes do barco provocaram o acidente. O comandante, Xiao Shengmei, nao possuía licença e experiência, segundo o jornal "China Daily".

Este é um dos vários acidentes ocorridos entre rios e lagos nas últimas semanas na China, nas províncias de Sichuan, Gansu, Chongqing e Guangdong.

As informaçoes sao da agência EFE.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;