Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 7 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Automóveis

automoveis@dgabc.com.br | 4435-8337

Focus ainda mais belo

Da AFP Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Sueli Osório
Enviada a Detroit

13/01/2010 | 07:00


A primeira fabricante a mostrar novidades no primeiro dia destinado às apresentações à imprensa foi a Ford, com a estreia mundial da próxima geração do Focus, nas versões sedã e hatch. Realizada na Cobo Arena, como todos os anos, essa foi também a apresentação mais incrementada neste salão morno. Os executivos ficaram bem posicionados sobre projeções de imagens no palco, com falas sincronizadas.

O presidente da companhia para as Américas, Mark Fields, falou sobre a importância do segmento ‘C', já que os EUA começam a voltar sua atenção para modelos menores. Bill Ford, presidente-executivo, foi quem apresentou a nova geração do hatch e do sedã do modelo, que começará a ser produzido na Europa e na América do Norte no final deste ano, para lançamento ao público no início de 2011. O novo Focus terá plataforma global e será praticamente idêntico nesses mercados, usando 80% de peças comuns. Segundo Bill Ford, embora o produto tenha uma plataforma global, ainda não há previsão para sua chegada ao Brasil.

A produção inicial será concentrada nas fábricas da Alemanha (Saarlouis), Estados Unidos (Michigan) e China (Chongquing). O novo Focus será um dos dez modelos diferentes produzidos a partir da nova plataforma do segmento ‘C', que deve gerar uma venda total de 2 milhões de unidades anuais em 2012. Os primeiros veículos serão os novos Ford C-MAX e Grand C-MAX - exibidos no Salão de Frankfurt de 2009 - para lançamento na Europa no segundo semestre de 2010.

"Os consumidores globais procuram, cada vez mais, carros menores com grande economia de combustível, mas sem sacrificar o estilo, a tecnologia, a conectividade e a dirigibilidade que exigem dos carros maiores", explica Derrick Kuzak, vice-presidente de Desenvolvimento do Produto Global da Ford. "Nossa nova geração de carros ‘C', liderada pelo novo Focus, vai mostrar claramente que a Ford está pronta para enfrentar esse desafio."

A gama global de motores do novo Focus inclui o EcoBoost de quatro cilindros - com turbo e injeção direta de combustível -, um propulsor 1.6 para a Europa e novas opções diesel da linha Duratorq TDCi, com injeção common-rail, que oferecem uma economia de 10% a 20% no consumo de combustível em relação aos modelos atuais.

No Salão de Detroit, a Ford apresenta o novo motor 2.0 a gasolina para a América do Norte, equipado com injeção direta de combustível (DI) e duplo comando de válvulas variável (Ti-VCT) para aumento da performance e eficiência. O novo motor é até 20% mais forte que o atual Duratec 2.0 I-4 e contribui para uma economia de combustível estimada em mais de 10%.

A inovação mais significativa no habitáculo do novo Focus é o MyFord, nova geração de tecnologia de conectividade com o motorista. Sua combinação de controles e telas traz facilidade na operação dos principais equipamentos do veículo. Nos catálogos de ponta, o sistema inclui uma tela colorida sensível ao toque de 8 polegadas no painel, que permite ao motorista controlar uma série de funções de forma simples e intuitiva.

Outra novidade mostrada pela Ford é o Mustang GT 2011, que volta a oferecer a motorização 5.0. Ele dá continuidade à ofensiva da Ford na área de motores, trazendo o novo V8 5.0 de tecnologia avançada que gera 417 cv e boa economia estimada de combustível, de 10,6 km/l na estrada.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Focus ainda mais belo

Sueli Osório
Enviada a Detroit

13/01/2010 | 07:00


A primeira fabricante a mostrar novidades no primeiro dia destinado às apresentações à imprensa foi a Ford, com a estreia mundial da próxima geração do Focus, nas versões sedã e hatch. Realizada na Cobo Arena, como todos os anos, essa foi também a apresentação mais incrementada neste salão morno. Os executivos ficaram bem posicionados sobre projeções de imagens no palco, com falas sincronizadas.

O presidente da companhia para as Américas, Mark Fields, falou sobre a importância do segmento ‘C', já que os EUA começam a voltar sua atenção para modelos menores. Bill Ford, presidente-executivo, foi quem apresentou a nova geração do hatch e do sedã do modelo, que começará a ser produzido na Europa e na América do Norte no final deste ano, para lançamento ao público no início de 2011. O novo Focus terá plataforma global e será praticamente idêntico nesses mercados, usando 80% de peças comuns. Segundo Bill Ford, embora o produto tenha uma plataforma global, ainda não há previsão para sua chegada ao Brasil.

A produção inicial será concentrada nas fábricas da Alemanha (Saarlouis), Estados Unidos (Michigan) e China (Chongquing). O novo Focus será um dos dez modelos diferentes produzidos a partir da nova plataforma do segmento ‘C', que deve gerar uma venda total de 2 milhões de unidades anuais em 2012. Os primeiros veículos serão os novos Ford C-MAX e Grand C-MAX - exibidos no Salão de Frankfurt de 2009 - para lançamento na Europa no segundo semestre de 2010.

"Os consumidores globais procuram, cada vez mais, carros menores com grande economia de combustível, mas sem sacrificar o estilo, a tecnologia, a conectividade e a dirigibilidade que exigem dos carros maiores", explica Derrick Kuzak, vice-presidente de Desenvolvimento do Produto Global da Ford. "Nossa nova geração de carros ‘C', liderada pelo novo Focus, vai mostrar claramente que a Ford está pronta para enfrentar esse desafio."

A gama global de motores do novo Focus inclui o EcoBoost de quatro cilindros - com turbo e injeção direta de combustível -, um propulsor 1.6 para a Europa e novas opções diesel da linha Duratorq TDCi, com injeção common-rail, que oferecem uma economia de 10% a 20% no consumo de combustível em relação aos modelos atuais.

No Salão de Detroit, a Ford apresenta o novo motor 2.0 a gasolina para a América do Norte, equipado com injeção direta de combustível (DI) e duplo comando de válvulas variável (Ti-VCT) para aumento da performance e eficiência. O novo motor é até 20% mais forte que o atual Duratec 2.0 I-4 e contribui para uma economia de combustível estimada em mais de 10%.

A inovação mais significativa no habitáculo do novo Focus é o MyFord, nova geração de tecnologia de conectividade com o motorista. Sua combinação de controles e telas traz facilidade na operação dos principais equipamentos do veículo. Nos catálogos de ponta, o sistema inclui uma tela colorida sensível ao toque de 8 polegadas no painel, que permite ao motorista controlar uma série de funções de forma simples e intuitiva.

Outra novidade mostrada pela Ford é o Mustang GT 2011, que volta a oferecer a motorização 5.0. Ele dá continuidade à ofensiva da Ford na área de motores, trazendo o novo V8 5.0 de tecnologia avançada que gera 417 cv e boa economia estimada de combustível, de 10,6 km/l na estrada.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;