Fechar
Publicidade

Sábado, 8 de Agosto

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Iraque levará tempo para montar arma nuclear, diz Powell


Da AFP

08/09/2002 | 12:51


O secretário norte-americano de Estado, Collin Powell, afirmou no sábado, em entrevista à TV britânica BBC, que o Iraque continua tentando obter uma arma nuclear, mas levará algum tempo para conseguir fabricá-la por conta própria.

"Em matéria nuclear, sabemos que por ocasião da Guerra do Golfo (1991) o Iraque estava mais distante do que pensávamos. Podemos discutir sobre se levarão um ano, cinco ou nove para obter a capacidade de construir uma arma atômica", disse.

"O que realmente sabemos é que os iraquianos continuam procurando esta tecnologia. Se procuram a tecnologia, é porque querem obter uma arma nuclear", acrescentou o secretário.

Powell, que destacou a importância do regresso dos inspetores de desarmamento da ONU ao Iraque, disse ainda que "é preciso saber o que andaram fazendo desde 1998".

Sobre uma eventual ação militar contra o regime de Saddam Hussein, o secretário de Estado estimou que o Iraque é hoje "muito mais fraco" no plano militar do que durante a Guerra do Golfo. "Penso que o Exército iraquiano tem hoje cerca de um terço da capacidade que tinha há doze anos", afirmou.

"É imperativo não permitir que este regime siga enganando a comunidade internacional e o mundo civilizado", finalizou Powell.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Iraque levará tempo para montar arma nuclear, diz Powell

Da AFP

08/09/2002 | 12:51


O secretário norte-americano de Estado, Collin Powell, afirmou no sábado, em entrevista à TV britânica BBC, que o Iraque continua tentando obter uma arma nuclear, mas levará algum tempo para conseguir fabricá-la por conta própria.

"Em matéria nuclear, sabemos que por ocasião da Guerra do Golfo (1991) o Iraque estava mais distante do que pensávamos. Podemos discutir sobre se levarão um ano, cinco ou nove para obter a capacidade de construir uma arma atômica", disse.

"O que realmente sabemos é que os iraquianos continuam procurando esta tecnologia. Se procuram a tecnologia, é porque querem obter uma arma nuclear", acrescentou o secretário.

Powell, que destacou a importância do regresso dos inspetores de desarmamento da ONU ao Iraque, disse ainda que "é preciso saber o que andaram fazendo desde 1998".

Sobre uma eventual ação militar contra o regime de Saddam Hussein, o secretário de Estado estimou que o Iraque é hoje "muito mais fraco" no plano militar do que durante a Guerra do Golfo. "Penso que o Exército iraquiano tem hoje cerca de um terço da capacidade que tinha há doze anos", afirmou.

"É imperativo não permitir que este regime siga enganando a comunidade internacional e o mundo civilizado", finalizou Powell.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;