Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 27 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Presos escavam túnel e fogem de cadeia em Maceió


Do Diário OnLine

09/01/2007 | 16:50


Vinte e três detentos fugiram do Presídio Baldometo Cavalcante, em Maceió (AL), na noite de segunda-feira, por meio de um túnel de 40 metros. As escavações teriam começado há 15 dias.

Até a manhã desta terça-feira, nenhum preso havia sido recapturado, mas a polícia identificou o assaltante Marcos Antônio Alves de Lima, o Marcos Capeta, 29 anos, como o líder da fuga em massa.

Capeta já havia planejado uma fuga em massa, que foi abortada pela Polícia Civil no início de março do ano passado, na delegacia regional de Arapiraca, onde esteve preso, antes de ser transferido para o Baldometo.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Presos escavam túnel e fogem de cadeia em Maceió

Do Diário OnLine

09/01/2007 | 16:50


Vinte e três detentos fugiram do Presídio Baldometo Cavalcante, em Maceió (AL), na noite de segunda-feira, por meio de um túnel de 40 metros. As escavações teriam começado há 15 dias.

Até a manhã desta terça-feira, nenhum preso havia sido recapturado, mas a polícia identificou o assaltante Marcos Antônio Alves de Lima, o Marcos Capeta, 29 anos, como o líder da fuga em massa.

Capeta já havia planejado uma fuga em massa, que foi abortada pela Polícia Civil no início de março do ano passado, na delegacia regional de Arapiraca, onde esteve preso, antes de ser transferido para o Baldometo.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;