Fechar
Publicidade

Segunda-Feira, 20 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Japao pode nao alcançar meta de crescimento econômico


Do Diário do Grande ABC

26/05/2000 | 08:42


A economia japonesa pode nao alcançar a meta governamental de um crescimento de 0,6% para o ano fiscal que termina em março, advertiu nesta sexta-feira o ministro japonês das Finanças, Kiichi Miyazawa.

``Pode acontecer'', reconheceu Miyazawa ao ser perguntado sobre o assunto numa coletiva de imprensa. ``Mas nao há riscos de que a cifra de crescimento ser negativa'', afirmou.

A meta de 0,6% pode ficar fora do alcance da economia japonesa, porque as autoridades revisarao para baixo as cifras do Produto Interno Bruto (PIB) para o último trimestre de 1999.

Essas cifras deveriam mostrar uma contraçao do PIB de 1,6%, em lugar de 1,4%, por causa de uma revisao dos gastos com os investimentos das entidades financeiras durante o período, previu nesta quinta-feira a Agência de Planejamento Econômico (EPA).

É necessário portanto que o crescimento seja de 2,4% no mínimo, no primeiro trimestre que terminou em março, para que a meta de 0,6% de crescimento em 1999-2000 seja alcançada.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Japao pode nao alcançar meta de crescimento econômico

Do Diário do Grande ABC

26/05/2000 | 08:42


A economia japonesa pode nao alcançar a meta governamental de um crescimento de 0,6% para o ano fiscal que termina em março, advertiu nesta sexta-feira o ministro japonês das Finanças, Kiichi Miyazawa.

``Pode acontecer'', reconheceu Miyazawa ao ser perguntado sobre o assunto numa coletiva de imprensa. ``Mas nao há riscos de que a cifra de crescimento ser negativa'', afirmou.

A meta de 0,6% pode ficar fora do alcance da economia japonesa, porque as autoridades revisarao para baixo as cifras do Produto Interno Bruto (PIB) para o último trimestre de 1999.

Essas cifras deveriam mostrar uma contraçao do PIB de 1,6%, em lugar de 1,4%, por causa de uma revisao dos gastos com os investimentos das entidades financeiras durante o período, previu nesta quinta-feira a Agência de Planejamento Econômico (EPA).

É necessário portanto que o crescimento seja de 2,4% no mínimo, no primeiro trimestre que terminou em março, para que a meta de 0,6% de crescimento em 1999-2000 seja alcançada.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;