Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 22 de Novembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

Aliado em 2012, PSB de S.Bernardo anuncia ruptura com o PT

Presidente do partido, Cabrera conduz projeto eleitoral alinhado à oposição


Leandro Baldini
Do Diário do Grande ABC

14/01/2016 | 07:00


Aliado do prefeito de São Bernardo, Luiz Marinho (PT), desde a eleição de 2012, o PSB rompeu oficialmente o elo político com o PT para a corrida eleitoral de outubro, quando o petismo tentará emplacar mais um mandato. O projeto governista terá à frente o secretário de Serviços Urbanos e de Coordenação Governamental, Tarcisio Secoli (PT).

Presidente do PSB na cidade e único vereador da legenda no município, Antônio Cabrera tem conduzido caminho político ao lado da oposição, que deverá ser liderada pelo deputado estadual Orlando Morando (PSDB) e pelo deputado federal Alex Manente (PPS).

Cabrera afirmou que o objetivo atual é focar esforços na composição da chapa de pré-candidatos a vereador, depois de contabilizar perdas de nomes como o ex-vereador Ary de Oliveira e Sérgio Demarchi. “Estou formando um time com pessoas de fora do meio político, mas com reconhecimento e que contribuíram na cidade”, afirmou.

Embora despiste sobre a composição eleitoral, Cabrera estreitou diálogo com o PPS, podendo ser alçado como vice de Alex, uma vez que já manifestou desistência em mais um pleito à Câmara. Ex-vereador e atual presidente do PTB, Admir Ferro também é cotado para ser o número dois da dobrada popular-socialista.

Na cúpula estadual, o partido orientou Cabrera por formação de chapa de pré-candidatos robusta. O objetivo é garantir que, em eventual falha em composição política, o partido viabilize projeto solo, que deve ser liderado pelo próprio Cabrera.

O atual panorama na cidade aponta a oposição com larga vantagem sobre o projeto do PT. Alex liderou as sondagens de intenções de voto, feita pelo DGABC Pesquisas, publicada pelo Diário, em dezembro, com 40,5% da preferência. Morando ficou em segundo lugar, registrando 21,5%, enquanto Tarcisio angariou 9% das intenções de voto. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Aliado em 2012, PSB de S.Bernardo anuncia ruptura com o PT

Presidente do partido, Cabrera conduz projeto eleitoral alinhado à oposição

Leandro Baldini
Do Diário do Grande ABC

14/01/2016 | 07:00


Aliado do prefeito de São Bernardo, Luiz Marinho (PT), desde a eleição de 2012, o PSB rompeu oficialmente o elo político com o PT para a corrida eleitoral de outubro, quando o petismo tentará emplacar mais um mandato. O projeto governista terá à frente o secretário de Serviços Urbanos e de Coordenação Governamental, Tarcisio Secoli (PT).

Presidente do PSB na cidade e único vereador da legenda no município, Antônio Cabrera tem conduzido caminho político ao lado da oposição, que deverá ser liderada pelo deputado estadual Orlando Morando (PSDB) e pelo deputado federal Alex Manente (PPS).

Cabrera afirmou que o objetivo atual é focar esforços na composição da chapa de pré-candidatos a vereador, depois de contabilizar perdas de nomes como o ex-vereador Ary de Oliveira e Sérgio Demarchi. “Estou formando um time com pessoas de fora do meio político, mas com reconhecimento e que contribuíram na cidade”, afirmou.

Embora despiste sobre a composição eleitoral, Cabrera estreitou diálogo com o PPS, podendo ser alçado como vice de Alex, uma vez que já manifestou desistência em mais um pleito à Câmara. Ex-vereador e atual presidente do PTB, Admir Ferro também é cotado para ser o número dois da dobrada popular-socialista.

Na cúpula estadual, o partido orientou Cabrera por formação de chapa de pré-candidatos robusta. O objetivo é garantir que, em eventual falha em composição política, o partido viabilize projeto solo, que deve ser liderado pelo próprio Cabrera.

O atual panorama na cidade aponta a oposição com larga vantagem sobre o projeto do PT. Alex liderou as sondagens de intenções de voto, feita pelo DGABC Pesquisas, publicada pelo Diário, em dezembro, com 40,5% da preferência. Morando ficou em segundo lugar, registrando 21,5%, enquanto Tarcisio angariou 9% das intenções de voto. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;