Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 9 de Abril

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

Cortinthians pode treinar na Granja Comary



11/05/2006 | 00:02


A partida contra o Vasco, dia 21 de maio, no Rio de Janeiro, já começa a atiçar a diretoria do Corinthians. Há, sim, a real possibilidade de o time treinar na próxima semana na Granja Comary, em Teresópolis, local onde costumeiramente a Seleção Brasileira se concentra e realiza seus treinamentos em véspera de jogos importantes. “Não sei de nada, não. Quem decide para onde o time vai é a diretoria. Eu ainda não sei”, diz o administrador do clube, João Roberto de Souza.

Membros da Gaviões da Fiel, que estão em Curitiba, já sabem dessa possibilidade e dizem que a torcida fará novos protestos no jogo de domingo contra o Paraná, em Maringá, e, se for o caso, até mesmo em Teresópolis. Um dos torcedores, que tem ficado em frente ao hotel que o elenco está em Curitiba com a camiseta da torcida, Carlos Augusto Marques, foi bem claro: “Pela Gaviões, eles podem ir treinar na lua. Nós vamos atrás desse time de mercenários”.

A verdade é que os jogadores não suportam mais ficar fugindo. “Temos de voltar para São Paulo um dia. Não podemos ficar viajando para sempre”, diz o lateral-esquerdo Gustavo Nery.


Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Cortinthians pode treinar na Granja Comary


11/05/2006 | 00:02


A partida contra o Vasco, dia 21 de maio, no Rio de Janeiro, já começa a atiçar a diretoria do Corinthians. Há, sim, a real possibilidade de o time treinar na próxima semana na Granja Comary, em Teresópolis, local onde costumeiramente a Seleção Brasileira se concentra e realiza seus treinamentos em véspera de jogos importantes. “Não sei de nada, não. Quem decide para onde o time vai é a diretoria. Eu ainda não sei”, diz o administrador do clube, João Roberto de Souza.

Membros da Gaviões da Fiel, que estão em Curitiba, já sabem dessa possibilidade e dizem que a torcida fará novos protestos no jogo de domingo contra o Paraná, em Maringá, e, se for o caso, até mesmo em Teresópolis. Um dos torcedores, que tem ficado em frente ao hotel que o elenco está em Curitiba com a camiseta da torcida, Carlos Augusto Marques, foi bem claro: “Pela Gaviões, eles podem ir treinar na lua. Nós vamos atrás desse time de mercenários”.

A verdade é que os jogadores não suportam mais ficar fugindo. “Temos de voltar para São Paulo um dia. Não podemos ficar viajando para sempre”, diz o lateral-esquerdo Gustavo Nery.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;