Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 29 de Janeiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Cultura & Lazer

cultura@dgabc.com.br | 4435-8364

De passagem


Thiago Mariano
Do Diário do Grande ABC

03/11/2010 | 07:05


Desde o dia 19, ônibus cheios de artistas têm percorrido o Estado de São Paulo pelo Circuito Sesc de Artes 2010. A partir de hoje eles começam o desembarque no Grande ABC, passando por seis cidades. Na bagagem, diferentes manifestações artísticas, como artemídia, artes visuais, circo, dança, literatura, música e teatro. A ideia é apropriar-se de espaços públicos e transformar em arte o cotidiano dos cidadãos.

Hoje, a abertura é em São Caetano; amanhã, em Ribeirão Pires; no dia 5, em Mauá e São Bernardo; no dia 6, em Rio Grande da Serra, fechando o projeto no domingo, em Santo André (confira a programação completa abaixo).

São duas programações. Uma para São Caetano e Mauá e outra para o restante das cidades.

Os destaques ficam por conta das apresentações musicais. Paulinho Moska e Sandália de Prata fazem, respectivamente, quatro e dois shows na região.

"Já faz duas semanas que estou nesse circuito. Já rodei cidades como Atibaia, Santa Bárbara d'Oeste e Piracicaba. O legal é que é um projeto que te leva para lugares que você dificilmente iria. A caravana vai chegando e é uma festa ininterrupta, uma forma de viralizar a arte", conta Moska.

O compositor e cantor conta que trará para a região composições antigas. "Vai ser voz e violão, com as pessoas mais perto, como uma roda de amigos. Tocarei canções como O Último Dia e A Seta e O Alvo."

Sandália de Prata, referência em samba rock, traz clássicos do gênero com participação do compositor e cantor Luis Vagner, que já compôs para artistas como Jorge Ben Jor e Bebeto.

No teatro, Este Lado Para Cima, da Brava Companhia e O Mundo Tá Virado, do Grupo Imbuaça. A primeira peça traz a história de moradores de uma cidade destroçada por uma crise financeira, trazendo a discussão sobre o poder do mercado e o reflexo dele nas relações humanas. O enredo da segunda traz tema semelhante, falando sobre como os lugares públicos e as casas comuns são invadidas pelo comércio, criando a sociedade do consumo e o tipo de gente que quer se dar bem a qualquer custo.

Circo e dança trazem programações robustas, com apresentações do Circo Amarillo, que usa a linguagem popular do circo de rua, mesclando contemporâneo e clássico, música, teatro palhaçadas. Os Perdidos usa elementos acrobáticos e uma escada na construção de cenas, trazendo ao palco técnicas circenses aliadas à construção da história.

O público também será convidado a dançar com as exibições interativas de E aí, Vamos Dançar? e Espaço Para a Dança.

No mais, literatura, exibições de vídeos e intervenções musicais recheiam as apresentações. Até o Repórter Abelha, um curioso videorepórter que entrevista pessoas sobre suas referências literárias para exibição e discussão ao fim do dia é convidado a fermentar o debate.

Programação

SÃO CAETANO E MAUÁ

Hoje, em São Caetano (Praça Cardeal Arcoverde) e dia 5, em Mauá (Praça 22 de novembro).

Circo Amarillo (circo), às 15h em São Caetano e Mauá.

Espaço para dança (dança), às 16h em São Caetano e Mauá

Este Lado Para Cima (teatro), às 17h em São Caetano e Mauá.

Vocabulário (intervenção), às 18h30 em São Caetano e Mauá.

Repórter Abelha (artemídia), às 18h20 em Mauá e 19h20 em São Caetano.

Requien Granular (artemídia), às 19h30 em São Caetano e Mauá

Sandália de Prata (foto) e Luís Vagner (show) às 20h em São Caetano e Mauá.

 

RIBEIRÃO PIRES, SÃO BERNARDO, RIO GRANDE DA SERRA E SANTO ANDRÉ

Amanhã, em Ribeirão Pires (Praça Central Ernest Solvay); dia 5, em São Bernardo (Parque Engenheiro Salvador Arena, Avenida Caminho do Mar, 2.980); dia 6, em Rio Grande da Serra (Praça da Bíblia) e dia 7, em Santo André (Parque Antonio Fláquer, Rua Coronel Seabra).

Os Perdidos (circo e teatro), às 17h em Ribeirão Pires e São Bernardo e às 15h em Rio Grande da Serra e Santo André.

Eletropipas (oficina), das 17h às 20h nas quatro cidades.

Jogo acervo Sesc de arte brasileira (atividade lúdica), a partir das 17h em Ribeirão Pires e São Bernardo e das 20h em Rio Grande da Serra e Santo André.

O Mundo Tá Virado (teatro), às 17h30 em Ribeirão Pires e São Bernardo e às 15h30 em Rio Grande da Serra e Santo André.

Sarau do Binho (literatura e música), às 18h30 e às 20h35 em Ribeirão Pires e São Bernardo e às 16h30 e 18h35 em Rio Grande da Serra e Santo André.

Paulinho Moska (show), às 19h em Ribeirão Pires e São Bernardo e às 17h em Rio Grande da Serra e Santo André.

Tormenta Eletrônica (audiovisual), às 20h em Ribeirão Pires e São Bernardo e às 18h em Rio Grande da Serra e Santo André.

Repórter Abelha (artemídia), às 17h em Ribeirão Pires e São Bernardo e às 15h em Rio Grande da Serra e Santo André.

E Aí, Vamos Dançar? (dança) às 21h em Ribeirão Pires e São Bernardo; às 20h em Rio Grande da Serra e às 19h em Santo André.

 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

De passagem

Thiago Mariano
Do Diário do Grande ABC

03/11/2010 | 07:05


Desde o dia 19, ônibus cheios de artistas têm percorrido o Estado de São Paulo pelo Circuito Sesc de Artes 2010. A partir de hoje eles começam o desembarque no Grande ABC, passando por seis cidades. Na bagagem, diferentes manifestações artísticas, como artemídia, artes visuais, circo, dança, literatura, música e teatro. A ideia é apropriar-se de espaços públicos e transformar em arte o cotidiano dos cidadãos.

Hoje, a abertura é em São Caetano; amanhã, em Ribeirão Pires; no dia 5, em Mauá e São Bernardo; no dia 6, em Rio Grande da Serra, fechando o projeto no domingo, em Santo André (confira a programação completa abaixo).

São duas programações. Uma para São Caetano e Mauá e outra para o restante das cidades.

Os destaques ficam por conta das apresentações musicais. Paulinho Moska e Sandália de Prata fazem, respectivamente, quatro e dois shows na região.

"Já faz duas semanas que estou nesse circuito. Já rodei cidades como Atibaia, Santa Bárbara d'Oeste e Piracicaba. O legal é que é um projeto que te leva para lugares que você dificilmente iria. A caravana vai chegando e é uma festa ininterrupta, uma forma de viralizar a arte", conta Moska.

O compositor e cantor conta que trará para a região composições antigas. "Vai ser voz e violão, com as pessoas mais perto, como uma roda de amigos. Tocarei canções como O Último Dia e A Seta e O Alvo."

Sandália de Prata, referência em samba rock, traz clássicos do gênero com participação do compositor e cantor Luis Vagner, que já compôs para artistas como Jorge Ben Jor e Bebeto.

No teatro, Este Lado Para Cima, da Brava Companhia e O Mundo Tá Virado, do Grupo Imbuaça. A primeira peça traz a história de moradores de uma cidade destroçada por uma crise financeira, trazendo a discussão sobre o poder do mercado e o reflexo dele nas relações humanas. O enredo da segunda traz tema semelhante, falando sobre como os lugares públicos e as casas comuns são invadidas pelo comércio, criando a sociedade do consumo e o tipo de gente que quer se dar bem a qualquer custo.

Circo e dança trazem programações robustas, com apresentações do Circo Amarillo, que usa a linguagem popular do circo de rua, mesclando contemporâneo e clássico, música, teatro palhaçadas. Os Perdidos usa elementos acrobáticos e uma escada na construção de cenas, trazendo ao palco técnicas circenses aliadas à construção da história.

O público também será convidado a dançar com as exibições interativas de E aí, Vamos Dançar? e Espaço Para a Dança.

No mais, literatura, exibições de vídeos e intervenções musicais recheiam as apresentações. Até o Repórter Abelha, um curioso videorepórter que entrevista pessoas sobre suas referências literárias para exibição e discussão ao fim do dia é convidado a fermentar o debate.

Programação

SÃO CAETANO E MAUÁ

Hoje, em São Caetano (Praça Cardeal Arcoverde) e dia 5, em Mauá (Praça 22 de novembro).

Circo Amarillo (circo), às 15h em São Caetano e Mauá.

Espaço para dança (dança), às 16h em São Caetano e Mauá

Este Lado Para Cima (teatro), às 17h em São Caetano e Mauá.

Vocabulário (intervenção), às 18h30 em São Caetano e Mauá.

Repórter Abelha (artemídia), às 18h20 em Mauá e 19h20 em São Caetano.

Requien Granular (artemídia), às 19h30 em São Caetano e Mauá

Sandália de Prata (foto) e Luís Vagner (show) às 20h em São Caetano e Mauá.

 

RIBEIRÃO PIRES, SÃO BERNARDO, RIO GRANDE DA SERRA E SANTO ANDRÉ

Amanhã, em Ribeirão Pires (Praça Central Ernest Solvay); dia 5, em São Bernardo (Parque Engenheiro Salvador Arena, Avenida Caminho do Mar, 2.980); dia 6, em Rio Grande da Serra (Praça da Bíblia) e dia 7, em Santo André (Parque Antonio Fláquer, Rua Coronel Seabra).

Os Perdidos (circo e teatro), às 17h em Ribeirão Pires e São Bernardo e às 15h em Rio Grande da Serra e Santo André.

Eletropipas (oficina), das 17h às 20h nas quatro cidades.

Jogo acervo Sesc de arte brasileira (atividade lúdica), a partir das 17h em Ribeirão Pires e São Bernardo e das 20h em Rio Grande da Serra e Santo André.

O Mundo Tá Virado (teatro), às 17h30 em Ribeirão Pires e São Bernardo e às 15h30 em Rio Grande da Serra e Santo André.

Sarau do Binho (literatura e música), às 18h30 e às 20h35 em Ribeirão Pires e São Bernardo e às 16h30 e 18h35 em Rio Grande da Serra e Santo André.

Paulinho Moska (show), às 19h em Ribeirão Pires e São Bernardo e às 17h em Rio Grande da Serra e Santo André.

Tormenta Eletrônica (audiovisual), às 20h em Ribeirão Pires e São Bernardo e às 18h em Rio Grande da Serra e Santo André.

Repórter Abelha (artemídia), às 17h em Ribeirão Pires e São Bernardo e às 15h em Rio Grande da Serra e Santo André.

E Aí, Vamos Dançar? (dança) às 21h em Ribeirão Pires e São Bernardo; às 20h em Rio Grande da Serra e às 19h em Santo André.

 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;