Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 23 de Abril

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Esportes

esportes@dgabc.com.br | 4435-8384

De olho na Olimpíada, atletas de São Caetano competem no Exterior

Keila Costa e Fábio Gomes estão em Roma; Fabiana Murer busca afirmação nos EUA


Anderson Fattori
Do Diário do Grande ABC

31/05/2012 | 07:00


Os atletas da BM&FBovespa/São Caetano garantidos em Londres disputam nos próximos dias importantes competições internacionais como preparação para a Olimpíada. Hoje, Keila Costa, no salto triplo, e Fábio Gomes, no salto com vara, lutam por medalhas no Golden Gala, em Roma, etapa da Diamond League - série de competições organizada pela Iaaf (Associação Internacional das Federações de Atletismo).

Amanhã, será a vez de Mauro Vinícius da Silva, o Duda, campeão mundial indoor do salto em distância, disputar GP em Innsbruck, na Áustria.

Garantida em Londres tanto no salto triplo como no salto em distância, Keila vai usar a competição de hoje para testar a evolução, projetando bom resultado na Olimpíada. "Todas as atletas vão melhorar e a Keila tem de crescer junto. No momento, o resultado dela a colocaria entre as oito melhores em final olímpica, mas temos de ser ambiciosos em relação a Londres e querer mais", comentou o técnico da atleta, Neilton Moura.

MURER NOS EUA

Fabiana Murer, campeã mundial indoor e ao ar livre do salto com vara, vai encontrar adversárias importantes em sua primeira competição no Exterior, o Prefontaine Classic, em Eugene, também etapa da Diamond League. A saltadora viajou para os Estados Unidos na segunda-feira, em companhia do técnico e marido Elson Miranda.

"A cobrança por resultados é maior, sei que as pessoas esperam mais de mim em todas as competições que disputo", assumiu Fabiana. "A Olimpíada é importante, mas vou pensar primeiro nessas competições preparatórias. Uma é diferente da outra e tenho de aproveitar os GPs que vou fazer antes da Olimpíada para acertar todos os detalhes da prova. Não é porque fui campeã mundial que vou ser campeã olímpica. Tenho de treinar muito e seguir buscando aperfeiçoamento."

Fabiana Murer ainda vai saltar no Grand Prix de Nova York, também nos Estados Unidos, antes de seguir para Fórmia, na Itália, onde ficará até a entrada na Vila Olímpica de Londres. Outra parada da saltadora para competir será no GP de Mônaco, no dia 20 de julho.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

De olho na Olimpíada, atletas de São Caetano competem no Exterior

Keila Costa e Fábio Gomes estão em Roma; Fabiana Murer busca afirmação nos EUA

Anderson Fattori
Do Diário do Grande ABC

31/05/2012 | 07:00


Os atletas da BM&FBovespa/São Caetano garantidos em Londres disputam nos próximos dias importantes competições internacionais como preparação para a Olimpíada. Hoje, Keila Costa, no salto triplo, e Fábio Gomes, no salto com vara, lutam por medalhas no Golden Gala, em Roma, etapa da Diamond League - série de competições organizada pela Iaaf (Associação Internacional das Federações de Atletismo).

Amanhã, será a vez de Mauro Vinícius da Silva, o Duda, campeão mundial indoor do salto em distância, disputar GP em Innsbruck, na Áustria.

Garantida em Londres tanto no salto triplo como no salto em distância, Keila vai usar a competição de hoje para testar a evolução, projetando bom resultado na Olimpíada. "Todas as atletas vão melhorar e a Keila tem de crescer junto. No momento, o resultado dela a colocaria entre as oito melhores em final olímpica, mas temos de ser ambiciosos em relação a Londres e querer mais", comentou o técnico da atleta, Neilton Moura.

MURER NOS EUA

Fabiana Murer, campeã mundial indoor e ao ar livre do salto com vara, vai encontrar adversárias importantes em sua primeira competição no Exterior, o Prefontaine Classic, em Eugene, também etapa da Diamond League. A saltadora viajou para os Estados Unidos na segunda-feira, em companhia do técnico e marido Elson Miranda.

"A cobrança por resultados é maior, sei que as pessoas esperam mais de mim em todas as competições que disputo", assumiu Fabiana. "A Olimpíada é importante, mas vou pensar primeiro nessas competições preparatórias. Uma é diferente da outra e tenho de aproveitar os GPs que vou fazer antes da Olimpíada para acertar todos os detalhes da prova. Não é porque fui campeã mundial que vou ser campeã olímpica. Tenho de treinar muito e seguir buscando aperfeiçoamento."

Fabiana Murer ainda vai saltar no Grand Prix de Nova York, também nos Estados Unidos, antes de seguir para Fórmia, na Itália, onde ficará até a entrada na Vila Olímpica de Londres. Outra parada da saltadora para competir será no GP de Mônaco, no dia 20 de julho.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;