Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 6 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Cratera será fechada até o início da semana


Do Diário do Grande ABC

04/05/2012 | 07:00


A Prefeitura de Mauá disse ontem que espera concluir os reparos na Rua Eduardo Alberto Miranda D'Aviz até o início da semana. Na quinta feira, enorme cratera se abriu no asfalto, o que colocou em risco a passagem de pedestres e veículos. O buraco tem cerca de quatro metros de diâmetro.

A Prefeitura explicou que o asfalto cedeu em virtude do rompimento da rede subterrânea de esgoto. Ao contrário do que alegam os moradores da rua, a administração municipal diz que funcionários da Secretaria de Serviços Urbanos e da concessionária Foz do Brasil estão presentes no local desde a semana passada, quando houve o incidente. A lentidão em concluir os reparos é justificada pelas chuvas dos últimos dias - a aplicação de camada de asfalto exige que o solo esteja completamente seco.

Vizinhos ao megaburaco dizem que vazamentos são comuns na via, e que a demora em consertá-los já provocou outras rachaduras, afundamentos até crateras no solo.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Cratera será fechada até o início da semana

Do Diário do Grande ABC

04/05/2012 | 07:00


A Prefeitura de Mauá disse ontem que espera concluir os reparos na Rua Eduardo Alberto Miranda D'Aviz até o início da semana. Na quinta feira, enorme cratera se abriu no asfalto, o que colocou em risco a passagem de pedestres e veículos. O buraco tem cerca de quatro metros de diâmetro.

A Prefeitura explicou que o asfalto cedeu em virtude do rompimento da rede subterrânea de esgoto. Ao contrário do que alegam os moradores da rua, a administração municipal diz que funcionários da Secretaria de Serviços Urbanos e da concessionária Foz do Brasil estão presentes no local desde a semana passada, quando houve o incidente. A lentidão em concluir os reparos é justificada pelas chuvas dos últimos dias - a aplicação de camada de asfalto exige que o solo esteja completamente seco.

Vizinhos ao megaburaco dizem que vazamentos são comuns na via, e que a demora em consertá-los já provocou outras rachaduras, afundamentos até crateras no solo.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;