Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 25 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Homem é encontrado morto dentro de porta-malas


Rafael Ribeiro
Do Diário do Grande ABC

30/10/2012 | 07:00


O borracheiro Ricardo Rocha da Silva, 31 anos, morador da Vila Alpina, na Zona Leste da Capital, foi encontrado morto dentro do porta-malas do Ford Ka preto de sua mulher, grávida de cinco meses, na manhã de ontem, no bairro Areião, em São Bernardo, no acesso da Via Anchieta ao Rodoanel.

A polícia trabalha com a hipótese de execução. Silva foi morto com tiro de calibre ponto 45, de uso exclusivo das Forças Armadas. Além disso, o corpo estava amarrado, tinha corte no queixo e marcas de agressão e enforcamento.

O caso será investigado pela Delegacia de Homicídios da cidade. No 6º DP (Baeta Neves), onde foi registrado, a apuração preliminar mostrou que o borracheiro foi morto por volta das 21h e o carro foi abandonado no local às 22h.

As causas, no entanto, ainda são desconhecidas. Os familiares informaram que Silva saiu de casa às 18h10 dizendo que iria "entregar um telefone a uma pessoa", sem fornecer mais detalhes.

A possibilidade é que o borracheiro tenha sido executado ainda na Capital. Ele tem antecedentes criminais e cumpriu pena por receptação, roubo e porte ilegal de arma, mas desde 2003 estava livre.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Homem é encontrado morto dentro de porta-malas

Rafael Ribeiro
Do Diário do Grande ABC

30/10/2012 | 07:00


O borracheiro Ricardo Rocha da Silva, 31 anos, morador da Vila Alpina, na Zona Leste da Capital, foi encontrado morto dentro do porta-malas do Ford Ka preto de sua mulher, grávida de cinco meses, na manhã de ontem, no bairro Areião, em São Bernardo, no acesso da Via Anchieta ao Rodoanel.

A polícia trabalha com a hipótese de execução. Silva foi morto com tiro de calibre ponto 45, de uso exclusivo das Forças Armadas. Além disso, o corpo estava amarrado, tinha corte no queixo e marcas de agressão e enforcamento.

O caso será investigado pela Delegacia de Homicídios da cidade. No 6º DP (Baeta Neves), onde foi registrado, a apuração preliminar mostrou que o borracheiro foi morto por volta das 21h e o carro foi abandonado no local às 22h.

As causas, no entanto, ainda são desconhecidas. Os familiares informaram que Silva saiu de casa às 18h10 dizendo que iria "entregar um telefone a uma pessoa", sem fornecer mais detalhes.

A possibilidade é que o borracheiro tenha sido executado ainda na Capital. Ele tem antecedentes criminais e cumpriu pena por receptação, roubo e porte ilegal de arma, mas desde 2003 estava livre.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;