Fechar
Publicidade

Terça-Feira, 18 de Fevereiro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Arroz barateia e preço da cesta básica fica 0,54% mais baixo


Do Diário do Grande ABC

13/03/2009 | 07:00


O custo médio da cesta básica era de R$ 322,68 na semana compreendida entre os dias 02 e 08 de março, nesta semana, o valor caiu 0,54%, e ficou em R$ 320,95. Significa que o consumidor pagará R$1,73 a menos pela cesta.

O arroz foi um dos principais motivos para a retração de valor e apresentou queda de 1,10% esta semana. O pacote de 5kg do cereal está custando, em média, R$ 8,11 na região.

Mesmo com a perspectiva de safra cheia - estima-se que a produção no Rio Grande do Sul alcance até oito milhões de toneladas, - os orizicultores mantêm otimismo em relação aos preços do cereal e esperam valorização.

A perspectiva é que o valor pago pela saca permaneça acima dos R$ 30, mas o objetivo é de alcançar o valor acima de R$ 33, o que segundo eles, hoje é o preço de custo.

O feijão também colaborou para a queda no preço da cesta básica. Esta semana, os preços caíram 7,24% e o pacote de 1kg passou a custar, em média, R$ 2,48.

O preço do feijão apresentou queda pela segunda semana consecutiva, acumulando neste período uma desvalorização superior a 15%, apesar disso, a diferença de preços entre os mercados pesquisados ainda é muito grande, maior que 80%.

O efeito de baixa no preço do grão se atribui a safra maior em algumas regiões, fato que indiretamente influencia as cotações do seu principal aliado, o arroz, que tende a reduzir o valor no varejo por conta das médias baixas do feijão.

Os dados da cesta básica são o resultado da pesquisa semanal feita semanalmente pela Craisa (Companhia Regional de Abastecimento Integrado de Santo André), que acompanha o preço de 34 produtos em 26 super e hipermercados nas sete cidades.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Arroz barateia e preço da cesta básica fica 0,54% mais baixo

Do Diário do Grande ABC

13/03/2009 | 07:00


O custo médio da cesta básica era de R$ 322,68 na semana compreendida entre os dias 02 e 08 de março, nesta semana, o valor caiu 0,54%, e ficou em R$ 320,95. Significa que o consumidor pagará R$1,73 a menos pela cesta.

O arroz foi um dos principais motivos para a retração de valor e apresentou queda de 1,10% esta semana. O pacote de 5kg do cereal está custando, em média, R$ 8,11 na região.

Mesmo com a perspectiva de safra cheia - estima-se que a produção no Rio Grande do Sul alcance até oito milhões de toneladas, - os orizicultores mantêm otimismo em relação aos preços do cereal e esperam valorização.

A perspectiva é que o valor pago pela saca permaneça acima dos R$ 30, mas o objetivo é de alcançar o valor acima de R$ 33, o que segundo eles, hoje é o preço de custo.

O feijão também colaborou para a queda no preço da cesta básica. Esta semana, os preços caíram 7,24% e o pacote de 1kg passou a custar, em média, R$ 2,48.

O preço do feijão apresentou queda pela segunda semana consecutiva, acumulando neste período uma desvalorização superior a 15%, apesar disso, a diferença de preços entre os mercados pesquisados ainda é muito grande, maior que 80%.

O efeito de baixa no preço do grão se atribui a safra maior em algumas regiões, fato que indiretamente influencia as cotações do seu principal aliado, o arroz, que tende a reduzir o valor no varejo por conta das médias baixas do feijão.

Os dados da cesta básica são o resultado da pesquisa semanal feita semanalmente pela Craisa (Companhia Regional de Abastecimento Integrado de Santo André), que acompanha o preço de 34 produtos em 26 super e hipermercados nas sete cidades.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;