Fechar
Publicidade

Quarta-Feira, 27 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Diadema intensifica fiscalização sanitária de mercados

Divulgação/Mauro Pedroso Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Ação será realizada nesta sexta, sábado e domingo de Páscoa; segunda-feira será a vez dos bancos


Da Redação

09/04/2020 | 20:44


Visando intensificar as ações de combate à pandemia de coronavírus, a Prefeitura de Diadema vai fiscalizar estabelecimentos comerciais na sexta-feira, sábado e domingo. A equipe de fiscalização, com o apoio da GCM (Guarda Civil Municipal) e da Vigilância Sanitária, vai exigir desses mercados que cumpram as regras sanitárias para evitar a propagação do novo coronavírus. Depois de orientados, se houver reincidência, os locais serão obrigados a fechar as portas.

Em reunião com o secretariado, ocorrida hoje (9), o prefeito Lauro Michels determinou que a blitz de fiscalização priorize orientar os gerentes desses comércios. “Para que não haja dúvida vamos entregar uma cartilha de esclarecimento. Nela, consta a lista do que pode ficar aberto e quais as obrigações sanitárias. Se a maior parte da cidade está colaborando e respeitando as determinações da OMS (Organização Mundial da Saúde), não podemos permitir que esse esforço seja prejudicado”, disse. “Além dos mercados, casas de carnes e outros, vamos exigir o mesmo das agências bancárias do município”, anunciou o prefeito.

Com a distribuição da cartilha “Diadema no enfrentamento ao Coronavírus. O que pode funcionar ou não”, a administração vai intensificar a orientação aos comerciantes e consumidores. Para ampliar a divulgação, a versão digital da publicação será disponibilizada no portal da prefeitura. Na publicação, constam os estabelecimentos que não podem funcionar; aqueles que podem, mas com restrições; e um capítulo mais extenso que esclarece quais poderão funcionar com atendimento presencial, como é o caso, por exemplo, de supermercados e bancos.

Na cartilha, o governo esclarece normas como reduzir e controlar o número de clientes no interior das lojas, reforçar a limpeza e higiene das instalações, inclusive dos sanitários. É necessário também disponibilizar álcool gel 70% para uso dos funcionários e consumidores, higienização de cestas e carrinhos e, principalmente, organizar filas e atendimento para garantir que as pessoas mantenham o distanciamento seguro entre elas. Por fim, a publicação explicita as penalidades que podem variar de uma advertência até a lacração do comércio, caso não sejam respeitadas e adotadas as medidas contra a pandemia da Covid-19.

Além dos GCMs, a blitz vai contar com a participação de secretários municipais e fiscais de diversas pastas como a de Habitação e Desenvolvimento Urbano, Defesa Social, Segurança Alimentar e Nutricional, Assuntos Jurídicos (Procon), Transportes, Meio Ambiente, entre outras. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Diadema intensifica fiscalização sanitária de mercados

Ação será realizada nesta sexta, sábado e domingo de Páscoa; segunda-feira será a vez dos bancos

Da Redação

09/04/2020 | 20:44


Visando intensificar as ações de combate à pandemia de coronavírus, a Prefeitura de Diadema vai fiscalizar estabelecimentos comerciais na sexta-feira, sábado e domingo. A equipe de fiscalização, com o apoio da GCM (Guarda Civil Municipal) e da Vigilância Sanitária, vai exigir desses mercados que cumpram as regras sanitárias para evitar a propagação do novo coronavírus. Depois de orientados, se houver reincidência, os locais serão obrigados a fechar as portas.

Em reunião com o secretariado, ocorrida hoje (9), o prefeito Lauro Michels determinou que a blitz de fiscalização priorize orientar os gerentes desses comércios. “Para que não haja dúvida vamos entregar uma cartilha de esclarecimento. Nela, consta a lista do que pode ficar aberto e quais as obrigações sanitárias. Se a maior parte da cidade está colaborando e respeitando as determinações da OMS (Organização Mundial da Saúde), não podemos permitir que esse esforço seja prejudicado”, disse. “Além dos mercados, casas de carnes e outros, vamos exigir o mesmo das agências bancárias do município”, anunciou o prefeito.

Com a distribuição da cartilha “Diadema no enfrentamento ao Coronavírus. O que pode funcionar ou não”, a administração vai intensificar a orientação aos comerciantes e consumidores. Para ampliar a divulgação, a versão digital da publicação será disponibilizada no portal da prefeitura. Na publicação, constam os estabelecimentos que não podem funcionar; aqueles que podem, mas com restrições; e um capítulo mais extenso que esclarece quais poderão funcionar com atendimento presencial, como é o caso, por exemplo, de supermercados e bancos.

Na cartilha, o governo esclarece normas como reduzir e controlar o número de clientes no interior das lojas, reforçar a limpeza e higiene das instalações, inclusive dos sanitários. É necessário também disponibilizar álcool gel 70% para uso dos funcionários e consumidores, higienização de cestas e carrinhos e, principalmente, organizar filas e atendimento para garantir que as pessoas mantenham o distanciamento seguro entre elas. Por fim, a publicação explicita as penalidades que podem variar de uma advertência até a lacração do comércio, caso não sejam respeitadas e adotadas as medidas contra a pandemia da Covid-19.

Além dos GCMs, a blitz vai contar com a participação de secretários municipais e fiscais de diversas pastas como a de Habitação e Desenvolvimento Urbano, Defesa Social, Segurança Alimentar e Nutricional, Assuntos Jurídicos (Procon), Transportes, Meio Ambiente, entre outras. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;