Fechar
Publicidade

Domingo, 20 de Setembro

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Setecidades

setecidades@dgabc.com.br | 4435-8319

Com mais nove óbitos, região se aproxima de 500 perdas pela doença

Pixabay Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Grande ABC registra 493 mortes ao completar exatos dois meses da primeira fatalidade


Dérek Bittencourt
Do Diário do Grande ABC

26/05/2020 | 02:32


No dia em que completou dois meses desde a confirmação da primeira vítima fatal, o Grande ABC contabilizou nove novas mortes em decorrência da Covid-19 ontem e se aproximou dos 500 óbitos. De acordo com os boletins epidemiológicos de cinco das sete prefeituras (Mauá e Diadema não atualizaram os dados), a região contabiliza 493 perdas no total, desde 25 de março.

São Bernardo atualizou seus números com quatro perdas, alcançando 185. Santo André também anunciou quatro fatalidades, chegando a 131. São Caetano acrescentou um óbito, totalizando 35. As demais cidades seguem com índices inalterados: Diadema, 77; Mauá, 49; Ribeirão Pires, 11; e Rio Grande da Serra, cinco.
<EM>Houve aumento significativo no número de casos confirmados. Foram 155 novos registros de infectados (139 deles somente em Santo André, que segue testando muitas pessoas), totalizando 5.382 positivados nas sete cidades do Grande ABC. Em contrapartida, outra expressiva marca é relativa às pessoas que aguardam o resultado dos exames para saber se estiveram ou estão com a doença: 11.960.

Já com relação aos paciente recuperados, também houve aumento na região: 2.045, com destaque aos 835 em Santo André e 536 em São Caetano.

MAIS NÚMEROS
O Estado de São Paulo alcançou ontem 6.220 mortes (3.649 homens e 2.571 mulheres) pelo novo coronavírus, além de 83.625 infectados pela doença. Além disso, segundo boletim da Secretaria Estadual de Saúde, já houve registros de pelo menos um caso em 510 dos 645 municípios. Em outro dado divulgado pelo órgão, a taxa de ocupação dos leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) restritos à Covid é de 73,8% no Estado e 88,1% na Grande São Paulo.

Já nos dados nacionais, revelados pelo Ministério da Saúde, o Brasil ultrapassou a barreira dos 23 mil mortos: 23.473. Além disso, outros 3.742 óbitos seguem em investigação. Com relação ao número de casos confirmados, já são 374.898. Por outro lado, os recuperados somam 153.833 por todo o País (o que representa 41% do total de positivados com o vírus). O órgão federal ainda esclareceu que a taxa nacional de letalidade da doença é de 6,3%. 



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Com mais nove óbitos, região se aproxima de 500 perdas pela doença

Grande ABC registra 493 mortes ao completar exatos dois meses da primeira fatalidade

Dérek Bittencourt
Do Diário do Grande ABC

26/05/2020 | 02:32


No dia em que completou dois meses desde a confirmação da primeira vítima fatal, o Grande ABC contabilizou nove novas mortes em decorrência da Covid-19 ontem e se aproximou dos 500 óbitos. De acordo com os boletins epidemiológicos de cinco das sete prefeituras (Mauá e Diadema não atualizaram os dados), a região contabiliza 493 perdas no total, desde 25 de março.

São Bernardo atualizou seus números com quatro perdas, alcançando 185. Santo André também anunciou quatro fatalidades, chegando a 131. São Caetano acrescentou um óbito, totalizando 35. As demais cidades seguem com índices inalterados: Diadema, 77; Mauá, 49; Ribeirão Pires, 11; e Rio Grande da Serra, cinco.
<EM>Houve aumento significativo no número de casos confirmados. Foram 155 novos registros de infectados (139 deles somente em Santo André, que segue testando muitas pessoas), totalizando 5.382 positivados nas sete cidades do Grande ABC. Em contrapartida, outra expressiva marca é relativa às pessoas que aguardam o resultado dos exames para saber se estiveram ou estão com a doença: 11.960.

Já com relação aos paciente recuperados, também houve aumento na região: 2.045, com destaque aos 835 em Santo André e 536 em São Caetano.

MAIS NÚMEROS
O Estado de São Paulo alcançou ontem 6.220 mortes (3.649 homens e 2.571 mulheres) pelo novo coronavírus, além de 83.625 infectados pela doença. Além disso, segundo boletim da Secretaria Estadual de Saúde, já houve registros de pelo menos um caso em 510 dos 645 municípios. Em outro dado divulgado pelo órgão, a taxa de ocupação dos leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) restritos à Covid é de 73,8% no Estado e 88,1% na Grande São Paulo.

Já nos dados nacionais, revelados pelo Ministério da Saúde, o Brasil ultrapassou a barreira dos 23 mil mortos: 23.473. Além disso, outros 3.742 óbitos seguem em investigação. Com relação ao número de casos confirmados, já são 374.898. Por outro lado, os recuperados somam 153.833 por todo o País (o que representa 41% do total de positivados com o vírus). O órgão federal ainda esclareceu que a taxa nacional de letalidade da doença é de 6,3%. 

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;