Fechar
Publicidade

Sábado, 19 de Junho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Internacional

internacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Erdogan diz que jornalista saudita Khashoggi foi 'assassinado' em 2 de outubro

Republic of Turkey Ministry/Fotos Públicas Diário do Grande ABC - Notícias e informações do Grande ABC: Santo André, São Bernardo, São Caetano, Diadema, Mauá, Ribeirão Pires e Rio Grande da Serra

Presidente da Turquia afirmou que há 'fortes evidências' que a morte foi planejada



23/10/2018 | 06:56


O presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, disse hoje que agentes da Arábia Saudita planejaram e conduziram o assassinato do jornalista saudita Jamal Khashoggi em Istambul no último dia 2, em desafio a alegações do governo saudita de que o jornalista teria morrido numa briga.

"Temos fortes evidências de que esse assassinato foi planejado", afirmou Erdorgan durante discurso a parlamentares de seu partido governista. "Ele foi brutalmente assassinado."

O discurso de Erdogan coincidiu com o início de uma conferência financeira na Arábia Saudita, conhecida como "Davos no deserto", da qual vários executivos estrangeiros desistiram de participar na esteira do escândalo envolvendo Khashoggi. Fonte: Dow Jones Newswires.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.


Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;