Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 28 de Maio

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Economia

soraiapedrozo@dgabc.com.br | 4435-8057

Projeto da região tem investimento


Tauana Marin
Do Diário do Grande ABC

27/10/2008 | 07:09


Três vezes por semana um grupo de 15 mulheres se reúnem para produzir, reformar e comercializar ‘novas' peças de roupas. Elas fazem parte do projeto Retece de Santo André, do Instituto Ecotece (centros de estudos e desenvolvimento de práticas do Vestir Consciente), implantado há dois anos na região. São mulheres com idades entre 20 e 35 anos, que são moradoras de periferia e estão em situação de risco, além de muitas vezes sofrerem agressão doméstica. Por cuidarem dos filhos e estarem fora do mercado de trabalho, o projeto fornece uma ajuda mensal: cada uma recebe R$ 100, assim ajudam no orçamento familiar e se profissionalizam. Além das aulas práticas, o grupo participa de palestras sobre diversos temas, como filhos, agressão e mercado de trabalho. Nos próximos dias o projeto receberá um investimento no valor de R$ 59.870, doado pelo ‘Fundo Viva o Amanhã', da Avon. "Com esse recurso queremos melhorar a estrutura física e, futuramente, ampliar o número de participantes, uma vez que nosso projeto promove iniciativas de economia solidária", conta Fernando Assad, gerente executivo do instituto Ecotece.

SELEÇÃO
A diretora de comunicação da Avon, Katia Gianone, explica que a companhia doa, por ano, cerca de R$ 350 mil que são divididos entre seis instituições filantrópicas, beneficentes e ONGs. "O fundo da empresa auxilia projetos que envolvam, principalmente, mulheres. Revendedoras da Avon indicam projetos, que são avaliados por profissionais da empresa", conta. "No caso do projeto ‘Retece' fiquei sabendo por meio de uma cliente e decidi indicá-lo para receber os recursos", relata a revendedora de São Bernardo, Cintia Giorgi. s

Interessados em saber mais sobre o projeto acesse www.ecotece.org.br



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Projeto da região tem investimento

Tauana Marin
Do Diário do Grande ABC

27/10/2008 | 07:09


Três vezes por semana um grupo de 15 mulheres se reúnem para produzir, reformar e comercializar ‘novas' peças de roupas. Elas fazem parte do projeto Retece de Santo André, do Instituto Ecotece (centros de estudos e desenvolvimento de práticas do Vestir Consciente), implantado há dois anos na região. São mulheres com idades entre 20 e 35 anos, que são moradoras de periferia e estão em situação de risco, além de muitas vezes sofrerem agressão doméstica. Por cuidarem dos filhos e estarem fora do mercado de trabalho, o projeto fornece uma ajuda mensal: cada uma recebe R$ 100, assim ajudam no orçamento familiar e se profissionalizam. Além das aulas práticas, o grupo participa de palestras sobre diversos temas, como filhos, agressão e mercado de trabalho. Nos próximos dias o projeto receberá um investimento no valor de R$ 59.870, doado pelo ‘Fundo Viva o Amanhã', da Avon. "Com esse recurso queremos melhorar a estrutura física e, futuramente, ampliar o número de participantes, uma vez que nosso projeto promove iniciativas de economia solidária", conta Fernando Assad, gerente executivo do instituto Ecotece.

SELEÇÃO
A diretora de comunicação da Avon, Katia Gianone, explica que a companhia doa, por ano, cerca de R$ 350 mil que são divididos entre seis instituições filantrópicas, beneficentes e ONGs. "O fundo da empresa auxilia projetos que envolvam, principalmente, mulheres. Revendedoras da Avon indicam projetos, que são avaliados por profissionais da empresa", conta. "No caso do projeto ‘Retece' fiquei sabendo por meio de uma cliente e decidi indicá-lo para receber os recursos", relata a revendedora de São Bernardo, Cintia Giorgi. s

Interessados em saber mais sobre o projeto acesse www.ecotece.org.br

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;