Fechar
Publicidade

Sexta-Feira, 10 de Abril

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Política

politica@dgabc.com.br | 4435-8391

'Maluf é freguês de carteirinha', diz Alckmin


Do Diário OnLine

06/07/2002 | 13:29


O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), candidato à reeleição, afirmou neste sábado que não teme a disputa no segundo turno com o candidato do PPB, Paulo Maluf. "O Maluf é nosso freguês de carteirinha", provocou.

Alckmin afirmou que não se preocupa com as pesquisas eleitorais de intenção de votos, que o colocam em segundo lugar na disputa, atrás de Maluf. Ele lembrou que em 1998, quando Maluf concorreu ao governo do Estado, ao lado do falecido governador Mário Covas, a desvantagem era ainda maior. "Covas estava 15 pontos percentuais atrás de Maluf e acabou vencendo a eleição com 2 milhões de votos de vantagem", afirmou.

Para reverter o quadro, Alckmin acredita na capacidade de discernimento do eleitorado. Há 15 meses à frente do governo do Estado, ele espera que a população reconheça "o bom trabalho efetuado" e o reeleja.

O governador visitou nesta manhã o Mercado Municipal da Lapa e o calçadão da Rua 12 de Outubro, na zona oeste da capital, onde conversou com populares, distribuiu autógrafos e posou para fotos. Ainda neste sábado ele participa da apresentação do projeto Fundação Cafú, de autoria do jogador da Seleção Brasileira pentacampeã, no Jardim Irene.



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

'Maluf é freguês de carteirinha', diz Alckmin

Do Diário OnLine

06/07/2002 | 13:29


O governador de São Paulo, Geraldo Alckmin (PSDB), candidato à reeleição, afirmou neste sábado que não teme a disputa no segundo turno com o candidato do PPB, Paulo Maluf. "O Maluf é nosso freguês de carteirinha", provocou.

Alckmin afirmou que não se preocupa com as pesquisas eleitorais de intenção de votos, que o colocam em segundo lugar na disputa, atrás de Maluf. Ele lembrou que em 1998, quando Maluf concorreu ao governo do Estado, ao lado do falecido governador Mário Covas, a desvantagem era ainda maior. "Covas estava 15 pontos percentuais atrás de Maluf e acabou vencendo a eleição com 2 milhões de votos de vantagem", afirmou.

Para reverter o quadro, Alckmin acredita na capacidade de discernimento do eleitorado. Há 15 meses à frente do governo do Estado, ele espera que a população reconheça "o bom trabalho efetuado" e o reeleja.

O governador visitou nesta manhã o Mercado Municipal da Lapa e o calçadão da Rua 12 de Outubro, na zona oeste da capital, onde conversou com populares, distribuiu autógrafos e posou para fotos. Ainda neste sábado ele participa da apresentação do projeto Fundação Cafú, de autoria do jogador da Seleção Brasileira pentacampeã, no Jardim Irene.

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;