Fechar
Publicidade

Quinta-Feira, 9 de Julho

|

Max º Min º
Clima da Região Trânsito Assine Clube do Assinante Diário Virtual Login

Nacional

nacional@dgabc.com.br | 4435-8301

Doença Mental



29/06/2011 | 00:00



Costuma-se dizer que criança supera mais facilmente problemas e traumas, mas a história não é bem essa. Está mais do que provado que criança pode sim, sofrer transtornos mentais graves, como ansiedade, depressão e fobias.

Tal crença, no entanto, deixa a maioria dos casos de doenças mentais em crianças sem o tratamento adequado. Não só os pais, como médicos e educadores devem estar atentos a determinados comportamentos das crianças que sugiram a existência de transtornos mentais. São eles: hiperatividade, dificuldades de concentração, agressividade, dificuldade em brincar com outras crianças, medos, pânicos e fobias.

Especialistas apontam que a maioria das doenças psiquiátricas começa na infância e adolescência. Estimam que metade de todas as doenças psiquiátricas do adulto começa até aos 14 anos, sendo que dois terços já estavam evidentes aos 24 anos.

Se a doença mental for diagnosticada cedo e tiver um acompanhamento e tratamento adequado, com uso de medimentos pelo médico psiquiatra, pode ter evolução favorável e ter duração transitória.

Por Yasmin Barcellos



Comentários

Atenção! Os comentários do site são via Facebook. Lembre-se de que o comentário é de inteira responsabilidade do autor e não expressa a opinião do jornal. Comentários que violem a lei, a moral e os bons costumes ou violem direitos de terceiros poderão ser denunciados pelos usuários e sua conta poderá ser banida.

Doença Mental


29/06/2011 | 00:00



Costuma-se dizer que criança supera mais facilmente problemas e traumas, mas a história não é bem essa. Está mais do que provado que criança pode sim, sofrer transtornos mentais graves, como ansiedade, depressão e fobias.

Tal crença, no entanto, deixa a maioria dos casos de doenças mentais em crianças sem o tratamento adequado. Não só os pais, como médicos e educadores devem estar atentos a determinados comportamentos das crianças que sugiram a existência de transtornos mentais. São eles: hiperatividade, dificuldades de concentração, agressividade, dificuldade em brincar com outras crianças, medos, pânicos e fobias.

Especialistas apontam que a maioria das doenças psiquiátricas começa na infância e adolescência. Estimam que metade de todas as doenças psiquiátricas do adulto começa até aos 14 anos, sendo que dois terços já estavam evidentes aos 24 anos.

Se a doença mental for diagnosticada cedo e tiver um acompanhamento e tratamento adequado, com uso de medimentos pelo médico psiquiatra, pode ter evolução favorável e ter duração transitória.

Por Yasmin Barcellos

Ao acessar você concorda com a nossa Política de Privacidade.


Para continuar, faça o seu login:


  • Aceito receber novidades e ofertas do Diário do Grande ABC e parceiros por
    correio eletrônico, mala direta, SMS ou outros meios de comunicação.


Ou acesse todo o conteúdo de forma ilimitada:

Veja como ter acesso a todo o conteúdo de forma ilimitada:

Copyright © 1995-2017 - Todos direitos reservados

;